Pular para o conteúdo principal

MUSEU DA MODA – MUMO

atualizado em 03/02/2021 | 15:48

 

Este museu estará reaberto à visitação a partir do dia 04 de fevereiro de 2021, seguindo todos os protocolos das medidas de prevenção ao contágio pela Covid-19. O agendamento da visita pode ser feito acessando o site: pbh.gov.br/reaberturamuseus

 


 

Fachada do Museu de Moda
Foto: Ricardo Laf/PBH

 


O Museu da Moda de Belo Horizonte - MUMO, inaugurado em 2016,  surgiu como uma evolução do Centro de Referência da Moda, criado em 2012. Tornou-se então o primeiro museu público de moda do Brasil e importante marco para o reconhecimento da moda como bem cultural da capital.


Com essa iniciativa, reforçou-se o reconhecimento da moda como bem cultural e patrimônio nacional, por meio da adoção, pela instituição, de um programa dinâmico e variado. Os espaços da instituição são entendidos para além de exposições, encontrado-se também abertos para criação, fruição e experimentação.

 

O MUMO tem como missão “preservar, pesquisar e difundir acervos referentes à moda na capital mineira, em suas múltiplas facetas, dialogando com a contemporaneidade e estimulando o pensamento crítico”. Nesse sentido, pretende “ser uma instituição de referência em memória, conservação e pesquisa de moda, indumentária e comportamento”.

 

O Museu da Moda de Belo Horizonte pretende ampliar a execução de novos instrumentos para a produção da moda, proporcionando diferentes perspectivas mercadológicas da economia criativa, do desenvolvimento cultural, da inclusão social, da atividade artística, da cidadania e da valorização do patrimônio e memória de Belo Horizonte.

 

 

Horário de funcionamento:

Horário de visitação: quarta-feira a sábado, das 11h às 18h

 

Endereço:

Rua da Bahia, 1.149 - Centro
Belo Horizonte - MG. CEP 30160-011
 

Como chegar

 

Contatos:

(31) 3277-9248 - 3277-4384

mumo.fmc@pbh.gov.br

Facebook

 

Programação disponível:

 

Exposição Alceu Penna – Inventando a Moda do Brasil

A mostra coloca sob os holofotes o trabalho de criação do mineiro Alceu Penna por meio de recorte da sua carreira de sucesso. Nascido em Curvelo, Alceu é figura emblemática do cenário brasileiro. Transitou pelas áreas do design gráfico, jornalismo, ilustração, figurino, estilismo, publicidade, cenografia e, entre outras atuações, pode ser considerado o precursor do jornalismo de moda no Brasil. Ficou famoso pela criação das Garotas, seção que publicava, semanalmente, de 1938 a 1964, na revista O Cruzeiro, que revolucionou a moda e o comportamento no país durante esse período. 

 

Exposição Arquivo Urbano: 100 anos de fotografia e moda no Brasil

A exposição traz o registro das mudanças no modo de vestir dos brasileiros, traçando um panorama dos seus hábitos e costumes nos últimos 100 anos. Foram resgatadas fotografias oriundas de álbuns de família, instituições, museus e acervos particulares. Além de fotógrafos anônimos, que registraram o dia a dia de suas famílias, a mostra inclui também imagens de profissionais consagrados.