Pular para o conteúdo principal

Operações Urbanas Consorciadas

atualizado em 29/03/2021 | 11:19

As Operações Urbanas Consorciadas têm por objetivo promover alterações estruturais, melhorias sociais e valorização ambiental em áreas estratégicas da cidade. A implementação deste instrumento ocorre sob a coordenação do Poder Executivo Municipal, com a participação dos proprietários de imóveis, moradores, usuários permanentes e investidores privados.

 

Audiência Pública
(clique para inscrição)

 

Plano de Qualificação Urbanística Centro-Lagoinha

OUC Centro Lagoinha

Plano de Qualificação Urbanística Centro-Lagoinha

 

Material Ilustrado do Plano de Qualificação Urbanística Centro-Lagoinha

▶ Pesquisa de Percepção do Plano de Qualificação Urbanística Centro-Lagoinha

 

OUC Centro Lagoinha

OUC Centro-Lagoinha

 

Apresentação realizada na Audiência Pública de 12 de dezembro de 2019

 

CANCELAMENTO DA AUDIÊNCIA PÚBLICA: OPERAÇÃO URBANA CONSORCIADA CENTRO- LAGOINHA

 

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Política Urbana, torna público que a Audiência Pública sobre a Operação Urbana Consorciada Centro-Lagoinha, que iria acontecer no dia 21 de março, foi CANCELADA por medida preventiva, conforme orientação da Secretaria Municipal de Saúde, tendo em vista o advento dos riscos relacionados à doença COVID-19, provocada pelo novo “coronavírus”.

OUC ACLO
 
oucaclo_topo_0.jpg

Plano Urbanístico, Estudo De Impacto De Vizinhança E Viabilidade Econômica

Acesse através dos links abaixo os arquivos do Plano Urbanístico, do Estudo de Impacto de Vizinhança e do Estudo de Viabilidade Econômica e Financeira da Operação Urbana Consorciada Antônio Carlos/Pedro I – Leste-Oeste, revisados a partir das discussões públicas e publicizados em setembro de 2015:

 

▶ Apresentação COMPUR - 17/09/2015

▶ Caderno de Textos, Figuras e Tabelas

▶ Caderno de Mapas

▶ Relatório da Pesquisa de Percepção Ambiental

▶ Fotos das diversas etapas da OUC ACLO

Comentários e Pareceres SUPLAN

Acesso o documento com os comentários e pareceres da Subsecretaria de Planejamento Urbano sobre as propostas apresentadas nos relatórios sobre o Estudo de Impacto de Vizinhança.

 

▶ Posicionamento SUPLAN

Relatórios sobre o Estudo de Impacto de Vizinhança EIV

Acesse através dos links abaixo os relatórios sobre o Estudo de Impacto de Vizinhança da Operação Urbana Consorciada Antônio Carlos/Pedro I – Leste-Oeste:

 

▶ REIV - Relatório do Estudo de Impacto de Vizinhança, elaborado pelo Executivo Municipal

▶ Relatório da conselheira relatora processo Maria de Fátima Santos Gottschalg

▶ Relatório do conselheiro Gladstone Otoni dos Anjos, elaborado após pedido de vistas

▶ Relatório da conselheira Maria Auxiliadora Afonso Alvarenga, elaborado com apoio de outras entidades 

Propostas da População e Respostas

Todos os questionamentos, dúvidas e propostas apresentadas pela população durante o processo de discussão pública foram avaliados e respondidos pela equipe técnica da OUC. As propostas coerentes com os princípios e diretrizes da OUC e que não comprometem sua viabilidade estão sendo incorporadas no projeto dessa Operação Urbana.


Acesse aqui as propostas apresentadas nos processos de discussão pública da OUC Antônio Carlos + Pedro I / Leste Oeste
      

Grupos de Trabalho

Complementar às oficinas e debates realizadas no processo de discussão pública da OUC ACLO, que tem como foco a sensibilização e aproximação da população da discussão, bem como o levantamento de demandas e propostas para a Operação Urbana, foram formados grupos de discussão sobre temas específicos. Os grupos de discussão tinham por objetivo aprofundar em temas estratégicos, com trabalho contínuo de construção das propostas em conjunto com representantes da sociedade civil.

 

Instrumentos de Gestão da Operação Urbana
Grupo de Discussão de Parâmetros Urbanísticos

Objetivo: Discutir formas de gestão da Operação Urbana que garanta a efetiva participação da população nos processos de tomada de decisão no momento de implementação do Plano. Discussão do Plano de Atendimento Econômico e Social.

Objetivo: Discutir os parâmetros urbanísticos de cada modelo de ocupação pensados para a Operação Urbana (Quadra Central, Quadra Praça, Quadra Galeria e parâmetros para o interior dos bairros), considerando os objetivos de cada tipologia para a cidade e região, bem como a viabilidade econômica e financeira.

1ª Reunião - 20/01/2015

2ª Reunião - 10/02/2015

3ª Reunião - 03/03/2015

4ª Reunião - 12/03/2015

5ª Reunião - 14/05/2015

6ª Reunião - 28/05/2015

7ª Reunião - 02/06/2015

1ª Reunião - 22/01/2015

2ª Reunião - 12/02/2015

3ª Reunião - 26/02/2015

Relatórios Síntese - Apresentação e Audiências Públicas
A PBH realizou, um total de 5 audiências públicas entre os dias 14 e 23 de abril de 2015. Confira abaixo os relatórios sintese do que aconteceu em cada uma das audiências.

Apresentação Pública OUC ACLO 08-04-15

Audiência Pública OUC ACLO 14-04-15

Audiência Pública OUC ACLO 15-04-15

Audiência Pública OUC ACLO 16-04-15

Audiência Pública OUC ACLO 22-04-15

Audiência Pública OUC ACLO 23-04-15

As versões impressas dos estudos estão disponíveis para consulta e manuseio dos interessados, na Subsecretaria de Planejamento Urbano - SUPLAN, com endereço na Av. Álvares Cabral 217 - 13º Andar - Centro, no horário de 09h às 17h.

 

oucaclo_rodape.jpg

OUC Barreiro

ouc_barreiro.png

Plano Urbanístico OUC Estação Barreiro

A Operação Urbana Consorciada da Estação Barreiro e Adjacências abrange as áreas localizadas em um raio de 600m da estação de transporte coletivo, ao Sul do município, na Regional Barreiro. Esta Operação tem como objetivo principal consolidar a vocação de Centro Regional da Zona Central do Barreiro. Para alcançar este objetivo, conta com as seguintes diretrizes urbanísticas: reestruturação e requalificação dos espaços públicos e áreas verdes; reestruturação do sistema viário local, estimulando o transporte coletivo e não motorizado; maior adensamento condicionado à reestruturação urbana da área e ao estudo de viabilidade econômica e financeira; aumento da densidade populacional por meio de uma maior verticalização conjugada com ampliação de espaços livres de uso público; e implantação de equipamentos urbanos e comunitários.

 

O Plano de Ocupação da OUC da Estação Barreiro prevê a implantação de projetos âncoras que incentivarão a formação de polos de atividades e serviços, consolidando a nova centralidade regional e contribuindo para a redução de deslocamento dos moradores da região ao centro do município, além de possibilitar o desenvolvimento e requalificação urbanística da área.

pdf%20vd%20redux%2051x71.png Plano Urbanístico OUC Estação Barreiro