Pular para o conteúdo principal

Herbário

atualizado em 22/02/2018 | 16:26

O Herbário do Jardim Botânico da Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte iniciou suas atividades em 1993 e tem como objetivo catalogar as espécies existentes nas coleções vivas e reservas da instituição, além daquelas obtidas por coletas realizadas no estado de Minas Gerais. Suas coleções mais importantes são as da Serra da Moeda, Serra do Caraça, Reserva da Fundação Zoo-Botânica de BH, Flora do Norte e Nordeste de MG, RPPN Brumas do Espinhaço e das coleções vivas do Jardim Botânico. Conta atualmente com mais de 11 mil registros.

 

Em 2013 o Herbário foi registrado com o acrônimo de BHZB no Index Herbariorum (IH), banco de dados que engloba informações dos principais herbários públicos do mundo e é gerenciado pela Associação Internacional para Taxonomia Vegetal (IAPT), sediado no Jardim Botânico de Nova York. O registro significa reconhecimento internacional para o Herbário e um importante avanço para o Jardim Botânico da Fundação Zoo-Botânica.

 

O Herbário BHZB está também associado ao projeto INCT Herbário Virtual da Flora e dos Fungos (INCT-HVFF), que tem como missão prover a sociedade em geral, ao poder público e comunidade científica, em especial, de infraestrutura para obtenção de dados de qualidade e integrados às informações dos acervos do herbário do país, repatriando dados sobre coletas realizadas em solo brasileiro, depositadas em acervos no exterior. Os espécimens cadastrados podem ser consultados online através da plataforma species link (CRIA).

 

Curadora atual: Inês Ribeiro de Andrade
inesribeiro@pbh.gov.br