Pular para o conteúdo principal

Suculentas

atualizado em 27/03/2018 | 09:12

images.jpg

 

Plantas suculentas são plantas que ocorrem em ambientes com deficiência hídrica geralmente possuem uma série de adaptações para superar este obstáculo - tecidos especializados no armazenamento de água, folhas transformadas em espinhos, pelos ou escamas na superfície das folhas, superfície cerosa ou uma cutícula espessa e brilhante que reduzem os danos causados por altos níveis de luminosidade são algumas delas. Algumas adaptações ocorrem ao nível celular, modificando processos metabólicos. Explore neste jardim a infinidade de estratégias que as plantas desenvolveram e selecione idéias para um jardim caseiro de fácil manutenção e baixo custo. Conheça alguns dos exemplares:

 

Mandacaru

Nome científico: Cereus jamacaru, Cactaceae
Origem: Brasil 
É uma planta que se apresenta como uma arvoreta de caule suculento e espinhento. Suas flores são solitárias, de cor branca e amarela, e se abrem à noite. Os frutos são carnosos, avermelhados quando maduros e contêm muitas sementes pretas espalhadas na sua polpa. Quando o mandacaru floresce na seca, o sertanejo se enche de esperança, pois é sinal que a chuva está para chegar.

 

Cacto-bola; cadeira de sogra

Nome científico: Echinocactus grusonii, Cactaceae
Origem: México
Descrição: Cacto globoso, em forma de barril, coberto por espinhos dourados. Flores solitárias, amarelas, formadas no topo da planta numa estrutura denominada cefálio. 



Cabeleira de velho, cabeça branca

Nome científico: Euphorbia leucocephala, Euphorbiaceae
Origem: América Central
Descrição: Arbusto ou arvoreta de copa globosa que perde as folhas durante o outono/inverno e se cobre de flores com brácteas brancas. Suporta podas moderadas e se multiplica por estacas e por sementes. Aprecia mais as regiões de maiores altitudes e de temperaturas amenas.

Kalancoes, Kalanchoe spp.
Plantas herbáceas, suculentas originárias de Madagascar. Suas folhas carnosas e de formatos que variam desde o cilíndrico ao elíptico de bordos crenados são curiosas por apresentarem a capacidade de gerar novas mudas, tornando sua reprodução muito fácil. Inflorescências geralmente terminais e vigorosas, de cores vibrantes, muito ornamentais. Podem ser utilizadas em canteiros e também são muito comercializadas em vasos.