Pular para o conteúdo principal

Secretaria Municipal de Esportes e Lazer

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) se dedica a elaboração, execução, monitoramento e avaliação de políticas públicas da área com base no preceito de inclusão social.  Por meio de seus programas, a Smel atende a cada mês, direta e indiretamente, cerca de 30 mil  crianças e adolescentes, jovens e adultos, idosos e pessoas com deficiência em núcleos próprios, escolas, pistas de caminhada e praças, instituições de longa permanência e em ações de lazer, dentre outros.
 
Na área de lazer e qualidade de vida, a Smel executa os seguintes programas: Caminhar, com orientações e avaliações físicas em cidadãos de diferentes faixas etárias em nove pistas de caminhadas, e o Vida Ativa, que realiza atividades para a comunidade acima dos 50 anos em 48 núcleos regionalizados com três mil participantes, mensalmente.
 
Com o objetivo de estimular a prática de atividades físicas, esportivas e de lazer ao ar livre, a Smel desenvolve desde março  de 2017 o programa “BH é da Gente”. Atualmente o programa é realizado em quatro unidades: Savassi (Centro-Sul), Araribá (Noroeste), Av. Guarapari (Pampulha) e Av. Silva Lobo (Oeste). Mais de 150 mil pessoas já frequentaram o programa desde a implantação.
 

Já o programa Academia a Céu Aberto disponibiliza mais de 400 conjuntos de aparelhos de atividade física em áreas públicas de diversos locais da cidade. 
 

Em parceria com a comunidade, a Smel desenvolve o programa “No Domingo, a Rua é Nossa” em oito vias da cidade, abrangendo seis regionais.


Na área do esporte educacional são desenvolvidas três ações: uma delas refere-se ao programa Esporte Esperança, realizado em 24 escolas municipais de educação infantil, dez creches e 13 núcleos que funcionam em escolas, organizações civis e equipamentos esportivos da Prefeitura.
 
Outra ação é os Jogos Escolares de Belo Horizonte, que desde 2017 é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte e envolve estabelecimentos das redes municipal, estadual e particular de ensino. Na edição de 2019, o JEBH teve a inscrição de 120 instituições e quase 3.500 atletas-alunos.


Cerca de 4.500 inscritos nos programas da Smel participam de atividades em 18 clubes esportivos e recreativos da cidade. Isso se deve ao Esporte Para Todos, programa que concede isenção de tributos para os estabelecimentos abrirem suas portas para os participantes de ações da Prefeitura.
 
O programa Superar promove a inclusão social das pessoas com deficiências, por meio da prática de esportes, em dois centros de referência e sete núcleos regionalizados.  Atualmente, cerca de 800 pessoas com idade acima de seis anos estão inscritas em no mínimo duas modalidades, com aulas de atletismo, basquetebol, bocha regular, bocha paralímpica, dança, futsal, goalball, judô, natação, patinação, rúgbi em cadeira de rodas, tênis de mesa, voleibol sentado, parataekwondo, funcional e percussão.   


Com o objetivo de fortalecer as associações esportivas amadoras na cidade e reafirmar o seu papel no processo de inclusão e ascensão social, a Secretaria promove anualmente a Copa Centenário Wadson Lima de Futebol Amador. A competição mobilizou em 2019 mais de 5,4 mil participantes diretos, entre atletas e integrantes de comissão técnica, de quase 220 clubes distribuídos em oito módulos: Infantil, Juvenil, Adulto (A, B e C), Master e Feminino Adulto, além do Feminino Sub-17, criado pela Prefeitura em 2018. 
 
Também compete à secretaria a manutenção de 155 quadras, oito ginásios poliesportivos e 109 campos de futebol. 
 
Conheça mais sobre os Programas e Projetos da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. 

Notícias em Destaque