Pular para o conteúdo principal

AUDITORIA

Aluno Auditor
atualizado em 04/02/2020 | 15:04

Execução das auditorias

 

Esta atividade consiste na realização das auditorias pelos estudantes auditores nos ambientes escolares, utilizando-se os questionários eletrônicos desenvolvidos pela Controladoria-Geral para o aplicativo para celular Monitorando a Cidade. A Auditoria tem por objeto a observação da qualidade do serviço prestado na escola. É fundamental que o estudante, ao atuar como auditor, desperte seu senso de observação e tenha claro os padrões de qualidade desejáveis para o serviço público auditado.

 

 

Pontos de extrema importância

  • Cordialidade: o projeto é um conjunto de ações colaborativas onde todos devem ser ouvidos.
  • A auditoria NÃO é uma ação de polícia, é uma ação de cidadania.
  •  Cada aluno auditor deve olhar com olhos de ver. Com essa expressão queremos ressaltar a importância de se estar atento aos detalhes, principalmente para aqueles que irão avaliar a estrutura da unidade.
  •  Os questionários são guias que devem ser seguidos como roteiros de auditoria, mas não limitadores. Ao final dos questionários, há campos para o registro de problemas/observações que não tenham sido contemplados.
  • Fazer perguntas: os alunos auditores devem fazer perguntas. Lembramos que os questionários orientam as perguntas que devem ser feitas, mas a partir delas podem surgir outras questões. Assim sendo, os questionários servem como guias, mas podem ser revistos caso os alunos auditores encontrem outras necessidades a serem observadas.
  • Aquele a quem as perguntas são dirigidas tem a LIBERDADE de responder ou não, devendo o aluno auditor evitar qualquer tipo de conflito.

 

 

Atualizações

 

Projeto Aluno Auditor na Semana da Educação

O Projeto Aluno Auditor esteve presente na Semana da Educação com atividades ligadas ao Espaço da Cidadania (instalado no Parque Municipal), como a prática do jogo “Herói da Sociedade”, com estudantes da Escola Municipal Maria das Neves. O jogo é uma das atividades de formação dos estudantes participantes do projeto, em que são trabalhados reforços de valores éticos de forma lúdica. 

 

Prática do jogo “Herói da Sociedade”, com estudantes da Escola Municipal Maria das Neves. 19-09-2019
Prática do jogo “Herói da Sociedade”, com estudantes da Escola Municipal Maria das Neves. 19-09-2019

 

Apresentação da peça de teatro
Apresentação da peça de teatro:  “O auto da barca da cidadania”, Centro Cultural da UFMG. 19-09-2019

 

 

Também foram preparadas auditorias específicas em espaços do parque, como na Praça do Trenzinho, no Largo do Coreto e no espaço Teatro de Bolso, onde estudantes das escolas municipais Dinorah Magalhães Fabri, Maria de Resende Costa, Professor Amilcar Martins e Governador Carlos Lacerda tiveram a oportunidade de auditá-los. As atividades realizadas pelos estudantes reforçam os valores que norteiam o projeto, quais sejam, o protagonismo juvenil e o zelo pelo patrimônio público.

 

projeto aluno auditor na semana da educaçãoprojeto aluno auditor na semana da educação
projeto aluno auditor na semana da educaçãoprojeto aluno auditor na semana da educação
projeto aluno auditor na semana da educaçãoprojeto aluno auditor na semana da educação
projeto aluno auditor na semana da educaçãoprojeto aluno auditor na semana da educação

 

A Semana da Educação foi um evento promovido pela Secretaria de Educação, entre os dias 16 a 23 de setembro de 2019, com o intuito de dar visibilidade às ações das escolas municipais, por meio das temáticas: Educação e Arte; Educação e Cidadania; Educação e Ciências; Educação e Lazer; Educação e Saúde; Educação e Tecnologias; Educação, Linguagens e Cultura. As ações foram realizadas de forma concomitante no Parque Municipal Américo Renné Giannetti e na Praça da Estação.

 

projeto aluno auditor na semana da educação
Banner dos projetos ouvidor jovem, aluno auditor e câmara mirim na tenda da Cidadania - Parque Municipal
projeto aluno auditor na semana da educação
Tenda da Cidadania - Parque Municipal

 

 

Estudantes do projeto Aluno Auditor finalizam auditorias nas escolas municipais

Os trabalhos de auditoria, realizados por mais de mil alunos de 27 escolas da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte, dentro do projeto Aluno Auditor, foram encerradas. As auditorias ocorrem até esta quarta-feira, dia 11 de setembro, com a supervisão dos professores ou monitores integrantes das equipes coordenadoras das escolas. 

 

Promovido pela Prefeitura, por meio da Controladoria-Geral do Município de Belo Horizonte e da Secretaria Municipal de Educação, o projeto iniciou a etapa de execução das auditorias no dia 21 de agosto de 2019. As auditorias foram realizadas por grupos de até cinco alunos auditores nos ambientes escolares, utilizando os questionários eletrônicos desenvolvidos para o aplicativo de celular “Monitorando a Cidade”.

 

 A controladora-geral adjunta do Município, Cláudia Costa de Araújo Fusco, comemora os resultados das primeiras etapas do projeto Aluno Auditor.

 

“Pelo menos 21 ambientes são auditados, como: cozinha, pátio, biblioteca, secretaria, banheiros, auditório, entre outros. Os estudantes têm a oportunidade de conhecer espaços que nunca frequentaram na escola, de verificar detalhes dos ambientes que antes não eram percebidos e conseguem identificar as oportunidades de melhoria para os ambientes auditados”, explica Cláudia Fusco.

 

Auditoria realizada na escola EMDRA (E.M. DEPUTADO RENATO AZEREDO) - 05/09/2019
Auditoria realizada na escola E.M.D.R.A. (E.M. DEPUTADO RENATO AZEREDO) - 05/09/2019

 

Auditoria realizada na escola EMRC (E.M. MARIA DE REZENDE COSTA) nas áreas da direção e do pátio - 29/08/2019
Auditoria realizada na escola E.M.R.C. (E.M. MARIA DE REZENDE COSTA) nas áreas da direção e do pátio - 29/08/2019

 

 

Auditoria realizada na escola EMTC (E.M. TRISTÃO DA CUNHA) - 05/09/2019
Auditoria realizada na escola E.M.T.C.(E.M. TRISTÃO DA CUNHA) - 05/09/2019

 

Auditoria realizada na escola EMMMP (E.M. MARIA DE MAGALHÃES PINTO) na COZINHA - 03/09/2019
Auditoria realizada na escola E.M.M.M.P. (E.M. MARIA DE MAGALHÃES PINTO) na COZINHA - 03/09/2019

 

 

Na próxima fase do projeto, os estudantes discutem os problemas encontrados nas escolas, quais são suas causas e possíveis propostas de solução e providências. “Dessa forma, os alunos assumem uma postura de protagonismo na escola, bem como reforçam o compromisso com a conservação do patrimônio público”, afirma a controladora-geral adjunta.