Pular para o conteúdo principal

Faixa irregular de venda de imóvel com anúncio de venda de apartamento.
Foto: Álvaro da Silva

Regional Centro-Sul retira publicidade irregular diariamente

17/07/2017 | 11:37 | atualizado em 18/07/2017 | 17:24

A equipe de apoio à Gerência de Regional de Fiscalização Integrada da Regional Centro-Sul realiza diariamente operação de apreensão de material publicitário irregular. É um trabalho contínuo que percorre, de segunda à quinta, todos os bairros da regional. O material irregular é recolhido, além de ser feito um registro fotográfico com identificação do local. Os dados são  enviados para Gerência de Fiscalização, que apura os responsáveis.

 

Afixar faixas e cartazes publicitários em postes, gradis, árvores, lixeiras, abrigos para passageiros de ônibus, muros, viadutos e tapumes de obras é proibido e pode gerar multa no valor de R$ 3.171,11. A proibição está prevista na legislação municipal nº 8.616/2003 e inclui faixas de vendas, aluguéis de imóveis, as que parabenizam por datas festivas ou que anunciam a perda de animal de estimação.

 

A denúncia de materiais publicitários irregulares ou solicitação de retirada de engenhos pode ser feita pelo Sacweb clicando aqui.

 

Banner irregular de venda de imóvel no Centro.
Banner irregular de venda de imóvel no Centro.
Faixa irregular de venda de imóvel no Santo Agostinho.
Faixa irregular de venda de imóvel no Santo Agostinho.
Faixa irregular de venda de imóvel no Centro.
Faixa irregular de venda de imóvel no Centro.

Últimas Notícias

Cadastro de ambulantes para o Carnaval começa dia 27/11

Segunda-feira, dia 27 de novembro, é a data de início do cadastro de ambulantes para o Carnaval de Belo Horizonte 2018. 

23/11/2017 | 18:35

Feira da Afonso Pena ganha uma hora a mais de funcionamento

A Feira de Artes e Artesanato da avenida Afonso Pena vai funcionar até o fim do ano com horário estendido, das 8h até as 15h. 

21/11/2017 | 18:23