Pular para o conteúdo principal

Galhos de uma árvore de ipê branco florido
Foto: Suziane Fonseca/PBH

Cantata da Primavera leva alunos municipais ao palco da Orquestra Filarmônica

21/09/2018 | 18:03 | atualizado em 05/11/2018 | 10:50

 

A Prefeitura de Belo Horizonte apresenta nesta segunda-feira, dia 24, mais uma edição da Cantata da Primavera. O evento reúne corais de 27 escolas municipais e conta com a participação de cerca de 550 estudantes. Nesta edição, o tema Diversas Vozes: comunidades de nossa polifonia dá visibilidade às comunidades indígena, quilombola, cigana e portuguesa, também presentes na Rede Municipal de Educação. A Cantata acontece na sede da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais (rua Tenente Brito Melo, 1090, Barro Preto), em duas apresentações, pela manhã às 9h30 e à tarde às 14 horas.
 

O repertório inclui as músicas Cantos das Três Raças, de Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro; Tangará Mirim, de Wanderley Moreira; Ser Diferente é Normal, de Vinícius Castro e Adilson Xavier; além de canções tradicionais de domínio público como Tá caindo fulô, Alecrim aos Molhos e Balança a saia.

 

A cantata

A cantata já se tornou uma tradição na Rede Municipal de Educação. A primeira edição foi em 2012, quando a Secretaria reuniu diversos corais das escolas para uma apresentação coletiva. A primeira exibição aconteceu em dezembro daquele ano e recebeu o nome de “Cantata de Natal”. Em outras oportunidades, a Educação Municipal presenteou a cidade com Cantatas de Inverno, de Primavera e de Natal. Assim, as cantatas passaram a compor o calendário de ações permanentes da Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte.