Pular para o conteúdo principal

Imagem de vacinação
Foto: Adão de Souza

PBH inicia no próximo dia 12 de abril a Campanha de vacinação da Gripe

09/04/2021 | 12:51 | atualizado em 09/04/2021 | 13:02

Crianças de 6 meses a 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde que atuam em hospitais (públicos, filantrópicos e privados), centros de saúde, UPAs e SAMU começam a receber a vacina contra a Gripe na próxima segunda-feira, dia 12. A definição do primeiro grupo contemplado para a imunização segue orientação do Ministério da Saúde. 

 

“Vamos ter duas campanhas simultâneas de vacinação em Belo Horizonte, a da Gripe e a da Covid. Por medida de segurança, quem recebeu a vacina contra Covid-19 precisa respeitar o intervalo mínimo de 14 dias para receber a dose da vacina contra Gripe. À medida que novas doses forem recebidas, Belo Horizonte irá ampliar os grupos a serem vacinados, respeitando este intervalo”, explica o subsecretário de Promoção e Vigilância à Saúde, Fabiano Pimenta. 

 

Belo Horizonte recebeu, até o momento, 86.800 doses da vacina contra a Gripe. O Ministério da Saúde irá repassar as doses da vacina de forma escalonada. No município, a estimativa é que sejam cerca de 3 mil crianças de 6 meses a 11 meses e 29 dias; 22 mil gestantes; 3 mil puérperas e cerca de 105 mil trabalhadores da saúde atuando em hospitais, SAMU, Centros de Saúde e UPAs. A meta é vacinar 90% do público. 

 

A vacinação em crianças, gestantes, puérperas e trabalhadores da atenção primária será realizada nos centros de saúde, no horário de rotina das salas de vacinas, com exceção das nove Unidades 24h. “Nesta etapa, o grupo que irá se vacinar nas unidades é relativamente pequeno. Os Centros de Saúde têm estrutura para realizar as duas campanhas de forma simultânea, segura e eficaz”, afirma Fabiano. 

 

Já a aplicação das doses para os profissionais de saúde de hospitais, UPAs e SAMU será realizada em cada instituição. “Quando o grupo for ampliado, vamos adotar estratégias diferenciadas, como, por exemplo, abertura de postos extras”, acrescenta o subsecretário.  

 

Em 2020, Belo Horizonte vacinou mais de 1 milhão de pessoas. 

 

Os endereços dos centros de saúde e os horários estão disponíveis no portal da Prefeitura.