Pular para o conteúdo principal

Mais de 600 serviços podem ser solicitados à Prefeitura pela internet
Foto: Rodrigo Clemente/PBH

Mais de 600 serviços podem ser solicitados à Prefeitura pela internet

criado em 13/07/2022 - atualizado em 13/07/2022 | 16:56

Reclamação sobre o transporte coletivo, como atraso ou superlotação, manutenção de lâmpada apagada/quebrada, tapa-buraco, e identificação do condutor infrator. Esses são alguns dos 669 serviços digitais oferecidos pela Prefeitura à população. As demandas podem ser registradas no Portal de Serviços de maneira rápida e prática. Basta digitar o serviço desejado e seguir as orientações.

O aplicativo PBH APP também oferece essas facilidades, com a disponibilização de 105 serviços, focados principalmente naqueles que podem ser solicitados rapidamente, pela palma da mão, como das áreas da fiscalização e da conservação e de zeladoria da cidade. O aplicativo pode ser baixado gratuitamente e está disponível para Android e IOS.

Tanto pelo portal quanto pelo app, o usuário pode monitorar em tela todo o andamento de seu pedido, a partir do número do protocolo. Finalizada a demanda, o cidadão ainda pode avaliar, em uma escala de 1 a 10, se os serviços foram bem prestados ou não pela administração municipal.

Ampliação dos serviços

O Município tem atuado de maneira permanente para ampliar e simplificar os serviços on-line ofertados a cidadãos e empreendedores. Só nos últimos cinco anos, a Prefeitura praticamente quadruplicou a cartela de serviços digitais em seu Portal de Serviços. Em dezembro de 2016, a população contava com 168 serviços digitais e, hoje, já são 669. Um salto de 398% no comparativo.

Acesso integrado

Desde 2019 a Prefeitura de Belo Horizonte faz parte da Rede Nacional de Governo Digital. Trata-se de um ambiente de colaboração que tem como objetivo impulsionar a transformação digital em todo território brasileiro, com integração, coordenação e monitoramento de iniciativas para um Governo P100% Digital.  Com isso, a prefeitura tem migrado o acesso aos serviços digitais por meio de um cadastro único dos usuários para utilização do mesmo login e senha para abrir seus pedidos, seja para a Prefeitura ou para os governos Estadual e Federal.

Inclusão digital

De 2017 até maio de 2022, mais de 13 mil pessoas foram qualificadas em cursos de informática (Iniciação, Ferramentas de Escritório e Manutenção de Computadores) ofertados gratuitamente pela Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte (Prodabel) em cursos presenciais e a distância. Neste ano, foram ofertadas 2,1 mil vagas e nove cursos estão em andamento.

Para facilitar o acesso da população, a Prefeitura disponibiliza 1.870 pontos de acesso à internet gratuita em várias partes da cidade. Desse total, 430 estão instalados em 102 vilas e favelas. Todas as 39 estações do Move também contam com pontos de Wi-Fi gratuitos, bem como praças e outros locais públicos da capital.

Em outra frente, o serviço “Posso ajudar?”, da unidade de atendimento presencial BH Resolve, vem auxiliando usuários que comparecem ao local para saber como registrar pedidos de maneira on-line. Atualmente a unidade só registra demandas específicas, mediante agendamento e que não podem ser solicitadas pela internet.