Pular para o conteúdo principal

Sentados em cadeiras, em volta de uma mesa, estão a secretária municipal de Educação, Ângela Dalben, diretorias da Secretaria Municipal de Educação (Smed) e membros da Comissão de Negociação do Comando de Greve

Educação Infantil de Belo Horizonte terá novo calendário escolar

15/06/2018 | 18:42 | atualizado em 25/06/2018 | 08:10

Em reunião, realizada nesta sexta-feira, dia 15, com a presença da secretária municipal de Educação, Ângela Dalben, diretorias da Secretaria Municipal de Educação (Smed) e membros da Comissão de Negociação do Comando de Greve foram definidos parâmetros para a elaboração do novo calendário escolar 2018, visando a reposição das aulas interrompidas pela greve dos professores para a Educação Infantil. Cada unidade deverá apresentar à Smed o seu novo calendário já aprovado pelo Colegiado Escolar e referendado em Assembleia Escolar até o próximo dia 22 de junho de 2018.
 

Ângela Dalben informou que uma portaria com novos parâmetros será publicada no Diário Oficial do Município (DOM). “Os parâmetros são amplos e abrangentes porque queremos que o grande princípio seja o acordo dentro da escola. A escola vai exercitar sua autonomia, junto com os professores e a comunidade escolar, e encontrar o melhor formato de reposição. Nessa perspectiva, e para contemplar as instituições que terão muitos dias para repor, pensando também no descanso necessário para os profissionais, definimos que o ano letivo deverá ser finalizado até o dia 5 de janeiro de 2019, podendo ser utilizados sábados e recessos escolares.”
 

Integrante da Comissão de Negociação do Comando de Greve, a professora Tatiane Ferreira afirmou que os parâmetros atendem à expectativa da categoria. “Acredito que foi um bom acordo, as escolas terão autonomia e têm uma boa flexibilidade para propor um novo calendário.”