Pular para o conteúdo principal

Foto da Casa do Baile à noite.
Foto: Glenio Campregher

Casa do Baile seleciona propostas de ações culturais

16/01/2018 | 18:28 | atualizado em 09/02/2018 | 15:42

A Fundação Municipal de Cultura abriu inscrições para a ocupação do salão, área externa e auditório da Casa do Baile, localizada na Pampulha. As propostas devem estar relacionadas às temáticas de arquitetura, urbanismo e design. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas de 17 de janeiro a 18 de fevereiro, presencialmente na Casa do Baile, de segunda a sexta-feira das 9h às 12h e das 14h às 18h, ou enviadas pelo correio com aviso de recebimento. O edital foi publicado no Diário Oficial do Município (DOM) e está disponível para consulta no site www.bhfazcultura.pbh.gov.br.


O edital de credenciamento 001/2018 prevê a utilização do salão, área externa e auditório da Casa do Baile para a realização de exposições, mostras, lançamentos de livros, performances, instalações, site especifc, propostas de educação, mediação, patrimonial e cultural, relacionadas às áreas de arquitetura, urbanismo e design. As propostas habilitadas irão compor a programação do equipamento durante o ano de 2018, podendo se estender para 2019, inclusive sábados, domingos, feriados e pontos facultativos.


A análise e habilitação das propostas serão realizadas pela Comissão Organizadora do edital, composta por cinco membros titulares e seus respectivos suplentes, sendo um membro da Diretoria de Museus, um membro da Casa do Baile, um membro da Diretoria de Planejamento, Gestão e Finanças da Fundação Municipal de Cultura (FMC) e dois membros da sociedade civil, nomeados pelo presidente da FMC, Romulo Avelar. A seleção será baseada nos critérios de qualidade técnica da proposta, adequação da proposta, viabilidade operacional, exequibilidade e adequação ao espaço.


A Casa do Baile

A Casa do Baile é um espaço da Fundação Municipal de Cultura que funciona como Centro de Referência em Urbanismo, Arquitetura e Design. O espaço desenvolve uma ampla agenda de atividades como exposições, mostras, seminários, encontros e eventos relacionados às suas temáticas. Recebe, ainda, trabalhos relacionados a outros campos da cultura como artes visuais, música, artes cênicas e literatura. Com uma média de aproximadamente cinco mil visitantes por mês, a Casa do Baile se consolidou como uma importante instituição cultural de Belo Horizonte.