Pular para o conteúdo principal

Informações da Prefeitura sobre o Coronavírus
Foto: Arte PBH

Caravana da Cultura terá edição virtual para apresentar editais

11/07/2020 | 12:09 | atualizado em 27/07/2020 | 18:30

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, realiza na próxima quarta-feira, dia 15 de julho, às 16h, uma edição virtual da Caravana da Cultura. Ela será feita por meio de uma live nesta plataforma, em que a equipe técnica da Diretoria de Fomento e Economia da Cultura apresentará e poderá esclarecer dúvidas dos empreendedores culturais sobre a inscrição de projetos nos dois editais lançados recentemente: o do Fundo Municipal de Cultura 2020 (destinado a projetos dos setores das artes visuais e design, circo, dança, literatura e leitura, música, patrimônio e teatro, além de propostas multisetoriais); e o BH nas Telas 2020 (destinado a projetos do setor audiovisual).

 

A Caravana tem o objetivo de apresentar aos empreendedores o conteúdo dos editais, destacando os principais pontos e as novidades da publicação. Durante o encontro, a equipe da Secretaria Municipal de Cultura também apresentará os formulários de inscrição de projetos e orientará sobre o preenchimento deles. Esta é a primeira vez que a iniciativa, que normalmente ocorria nos Centros Culturais da Prefeitura de Belo Horizonte, é promovida virtualmente, em razão das medidas de distanciamento social necessárias para o combate à pandemia da Covid-19.

 

“Desde a primeira edição, em 2018, as Caravanas da Cultura se mostraram como um importante meio para o diálogo com a cidade, nos permitindo esclarecer dúvidas e aumentar as chances de que novos empreendedores culturais participem dos editais. Esse encontro virtual será uma boa oportunidade para quem deseja inscrever projetos conversar com a equipe técnica e, assim, formatar propostas alinhadas às especificidades dos editais do Fundo e BH nas Telas 2020”, explica Fabíola Moulin, secretária municipal de Cultura e presidenta interina da Fundação Municipal de Cultura.

 

Para participar, os interessados devem se inscrever até as 13h do dia 15 de julho, por meio do envio de um e-mail para rp.fmc@pbh.gov.br. O link de acesso à sala virtual será encaminhado em resposta ao e-mail.

 

 

Tutorial será disponibilizado no YouTube

Além da live promovida na plataforma de Educação à Distância da Prefeitura, um vídeo explicativo sobre os editais do Fundo e BH nas Telas 2020, abordando os principais pontos da publicação e as dúvidas que costumam surgir no momento de cadastrar projetos, será compartilhado em breve na página da Prefeitura de Belo Horizonte no YouTube. O objetivo é disponibilizar à população um material didático e que poderá ser consultado durante a elaboração dos projetos, especialmente para as pessoas que não puderem participar da live.

 

 

Editais Fundo e BH nas Telas 2020

Lançados no último dia 7 de julho e com inscrições abertas até o dia 27 de julho, os editais do Fundo Municipal de Cultura 2020 e o BH nas Telas 2020 injetarão mais de R$ 9 milhões no setor da cultura de Belo Horizonte. Eles asseguram a continuidade das políticas públicas consolidadas no município ao longo dos últimos anos e potencializam o apoio da Prefeitura à classe artística da cidade, fortemente impactada pela pandemia da Covid-19. 

 

No edital do Fundo, com recurso total de R$ 7,6 milhões, podem ser inscritos projetos das áreas das artes visuais e design, circo, dança, literatura e leitura, música, patrimônio e teatro, além de propostas multisetoriais (que contemplem mais de um setor cultural). Uma novidade desta edição é que 10% dos recursos (cerca de R$ 760 mil) estão assegurados para a manutenção e programação anual de espaços que tiveram de ser fechados com a pandemia, como centros culturais, espaços culturais de grupos de teatro, dança e circo, bibliotecas e museus, entre outros. Com essa medida, a estimativa é que poderão ser contemplados o dobro dos espaços culturais da média dos últimos Editais do Fundo.

 

Já o BH nas Telas 2020 tem o objetivo de selecionar projetos específicos para a produção cinematográfica que busquem, por meio de sua produção, a difusão de conteúdos das mais diversas regiões da cidade, buscando favorecer o desenvolvimento cultural de maneira igualitária e descentralizada. Podem ser inscritos projetos nas categorias produção (documentário, ficção e animação), festivais, jogos eletrônicos, audiovisual comunitário e pesquisa em formato livre. O Edital prevê o investimento de R$ 1,5 milhão provenientes do Fundo, um aumento de 20% em relação à edição anterior.

 

Acesse esta página e confira os editais na íntegra.
 


Últimas Notícias

Realização do evento cultura Sound System Circuito em Casa reúne 20 atrações culturais em uma semana

O Circuito encerra a sua programação de julho e já inicia a de agosto com 20 diferentes atrações.

27/07/2020 | 17:32
Informações sobre a Covid-19 Mais de 3,5 mil pessoas são abordadas desde a lei que obriga o uso de máscaras

Entre os cidadãos abordados, 1.606 estavam devidamente equipados e outros 1.925 estavam em desacordo com a legislação.

21/07/2020 | 14:48