Pular para o conteúdo principal

Na imagem, aparecem funcionários do Restaurante popular de costas servido refeição aos cidadãos.
Foto: Divulgação/PBH

BH em Pauta: Refeições do mês

07/06/2017 | 17:35 | atualizado em 09/06/2017 | 09:15

Nos restaurantes populares de Belo Horizonte, 9,6 mil refeições são servidas diariamente, de segunda a sexta-feira. Quase 200 mil por mês. Este é o número de pratos que a Prefeitura de Belo Horizonte oferta nas quatro unidades do Restaurante Popular (RP) na cidade. Os dados são da Secretaria Municipal Adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional (SMASAN), que é a responsável por organizar os serviços. 

Em média, a cada dia os restaurantes consomem cerca de 1.175 quilos de arroz, 1.500 quilos de feijão, 2.040 quilos de coxa de frango e 2.600 quilos de laranja para atender às quase dez mil pessoas que passam por lá. Na logística, 107 auxiliares de cozinha, 30 cozinheiros, 10 técnicos de nutrição e 8 nutricionistas. 

Pensado para atender a uma demanda crescente da população, por uma alimentação saudável e de baixo custo, o Restaurante Popular, nos moldes como funciona hoje, foi criado em julho de 1994, com o nome Herbert de Souza, em homenagem ao sociólogo mineiro Betinho, uma referência na campanha contra a fome no Brasil. 

Atualmente, as unidades do Restaurante Popular recebem um público diversificado, que abrange diferentes grupos etários e faixas de renda. São estudantes, funcionários, aposentados e autônomos, além de um público grande formado por pessoas em situação de rua e beneficiárias do Programa Bolsa Família. Segundo Betannya Nasser, nutricionista e coordenadora da unidade da área hospitalar, 66% do público atendido são deste último grupo. “O entorno tem muitos hospitais, em especial os que atendem o SUS. É uma área que atrai, além de muitos guardadores de carro, pessoas de mais baixa renda; então, este é um público bem presente aqui”, relata Betannya. 

A alta frequência da população em situação de rua e de beneficiários do Bolsa Família têm na gratuidade e no subsídio parte da justificativa. Segundo dados da SMASAN, cerca de 29 mil refeições/mês são destinadas a esses dois públicos. Para a secretária adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional, Darklane Rodrigues, o restaurante cumpre uma função social importante, e a ampliação dos serviços pode ser analisada. “Já foi identificada uma demanda por café da manhã e jantar na unidade da área hospitalar, por exemplo, mas é preciso fazer um estudo de viabilidade econômica para esta implementação”, pondera. 

 


Bom relacionamento

 

No Restaurante Popular da área hospitalar, os portões são abertos às 10h30 para os idosos e pessoas com deficiência, e às 11h para o público em geral. As pessoas que frequentam vêm de todas as partes da cidade, e ainda de municípios da região metropolitana. O encontro, quase que diário, transforma-se, muitas vezes, em convivência e amizade. É o caso de Helberth Leite, do bairro Providência; Cássia Cristina Souza, do São Benedito; e Danilo de Jesus, de São José da Lapa, que integram o grupo de motoboys que tem no local um ponto de convívio. “A gente sempre se encontra aqui. A comida é boa e barata, e a gente aproveita para falar da vida e do trabalho”, conta Cássia.

 

 

35160747625_94514c5fe1_o.png
Espaço é ponto de encontro para motoboys


Para garantir o fornecimento das três refeições principais (café, almoço e jantar), a unidade do Restaurante Popular da Rodoviária funciona 24 horas. Vicente Soares de Souza é chefe de cozinha e trabalha na unidade desde 2002. Ele destaca o clima fraterno entre trabalhadores e usuários. “A gente cria uma amizade e a colaboração é essencial. São muitas pessoas e muito serviço, então, estamos sempre vendo se tem alguém precisando de auxílio”, explica Vicente.

O bom relacionamento com os trabalhadores é um fator importante também para os usuários. Domingos Laudiviano, de 71 anos, é morador da região metropolitana e diz que sempre que vem ao centro almoça no restaurante. “A comida é muito saudável, tem um bom preço, mas a cortesia dos trabalhadores com a gente faz a gente voltar sempre.” 

No Restaurante Popular I, da Rodoviária, além do almoço são servidos diariamente cerca de 500 cafés da manhã e 500 jantares. A unidade também disponibiliza a alimentação que a Defesa Civil fornece para o atendimento às vítimas das chuvas e outras calamidades. Trata-se de um serviço sazonal, de outubro a março, que é o período chuvoso. Na temporada 2015/2016 foram ofertadas 13.500 marmitex. 

 


Reabertura



Em datas festivas, cada unidade busca fazer ações para animar o ambiente. Assim, além do tradicional Natal da unidade da Rodoviária, praticamente todas as demais celebram datas como Dia das Mães e Dia dos Pais, com apresentação de coral e leitura de mensagens. O Restaurante Popular do Barreiro ainda disponibiliza corte de cabelo gratuito, todas as quartas-feiras, para o público que se interessa.

A unidade do Restaurante Popular da Câmara Municipal, fechado desde junho de 2016, está em fase de licitação de equipamento e a previsão é de que ele reabra as portas no fim do segundo semestre, com capacidade para oferecer 1200 refeições diariamente. 
 



Funcionamento das unidades (Segunda a sexta-feira)



garfo-e-faca-talheres-simbolo-interface-de-circulo-para-restaurante_318-61359.jpg Restaurante Popular I - Herbert de Souza


Endereço: Avenida do Contorno, 11.484 – Centro
6h30 às 8h – café da manhã
10h30 às 14h – almoço
17h às 19h – jantar 

 



garfo-e-faca-talheres-simbolo-interface-de-circulo-para-restaurante_318-61359.jpg Restaurante Popular II - Josué de Castro



Rua Ceará, 490 – Santa Efigênia (Área Hospitalar)
10h30 às 14h – almoço

 


garfo-e-faca-talheres-simbolo-interface-de-circulo-para-restaurante_318-61359.jpg Restaurante Popular III - Maria Regina Nabuco



Rua Padre Pedro Pinto, 2.277, Estação BHBus – Venda Nova

11h às 14h – almoço

 



garfo-e-faca-talheres-simbolo-interface-de-circulo-para-restaurante_318-61359.jpg Restaurante Popular IV - Dom Mauro Bastos



Rua Afonso Vaz de Melo, 1.001 – Barreiro

11h às 14h – almoço

 

Preços das refeições

Café da manhã: R$ 0,75

Almoço: R$ 3,00

Jantar: R$ 1,50

 

Confira os cardápios desta semana:

Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio
Cardápio