Pular para o conteúdo principal

Criança tomando medicamento
Rodrigo Clemente/PBH

BH é a terceira capital com melhor cobertura vacinal contra a Paralisia Infantil

criado em 25/10/2022 - atualizado em 25/10/2022 | 15:58

Belo Horizonte atingiu 78% de cobertura vacinal contra a Paralisia Infantil e é a 3ª capital com melhor índice do país, ficando atrás apenas de João Pessoa (94,92%) e Macapá (90,68%). Os dados são do Ministério da Saúde.

 

A campanha terminou nesta segunda-feira (24), mas a Prefeitura manterá a vacina contra a doença disponível em todos os 152 centros de saúde. Os endereços e horários de funcionamento estão disponíveis on-line.

 

Para garantir a proteção do público, também estão mantidas as ações de busca ativa das crianças que ainda não receberam a dose para a atualização do cartão de vacinas. O trabalho é realizado pelas equipes das unidades durante os atendimentos presenciais e ainda reforça a necessidade da vacinação por contato telefônico nos acompanhamentos de rotina.

 

A paralisia infantil (poliomielite ou pólio) é uma doença contagiosa aguda causada por um vírus que infecta crianças e adultos. A doença pode ocasionar imobilidade ou enfraquecimento de braços, pernas ou ambos, levando a graves sequelas.

 

A vacina oral contra a poliomielite é extremamente importante para evitar que a doença volte a afetar as crianças de 1 a 4 anos, mesmo as que estão com o cartão de vacina atualizado. O esforço da Secretaria Municipal de Saúde é para reduzir o risco de reintrodução do vírus selvagem da doença no Brasil.