Pular para o conteúdo principal

Dois homens, ladoa lado, abraçados, vestidos de palhaços, com o rosto branco e roupas medievais.
Foto: Tati Motta

Belo Horizonte ganha Circuito Municipal de Cultura

04/12/2019 | 15:46 | atualizado em 05/12/2019 | 17:26

Potencializar a programação cultural e artística de Belo Horizonte, por meio da valorização da produção local e de atrações relevantes do cenário cultural brasileiro, de forma descentralizada para atender a todas as regiões da cidade. Essa é a proposta do Circuito Municipal de Cultura, projeto que visa elevar e dar visibilidade ao potencial cultural da capital. 

 

Idealizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura (FMC), em parceria com o Centro de Intercâmbio e Referência Cultural (CIRC), o circuito irá ocupar equipamentos culturais, parque e praças da cidade, além da Zona Cultural Praça da Estação e do Território L4 (Alto Vera Cruz, Granja de Freitas e Taquaril – na Regional Leste), com uma programação formada por diversas linguagens artísticas e para várias faixas etárias. 

 

Serão mais de 150 atrações artísticas e formativas, locais, estaduais e nacionais, em 12 meses de programação, cumprindo o papel de descentralizar e valorizar a cultura regional. O lançamento acontecerá neste mês, dentro das comemorações dos 122 anos de Belo Horizonte. Toda programação é gratuita.

 

Durante 12 meses, mais de 150 atividades, entre atrações artísticas e ações formativas nos setores do teatro, dança, circo, música, literatura, artes visuais, audiovisual e culturas tradicionais e populares vão ocupar os equipamentos culturais da Fundação Municipal de Cultura: centros culturais, teatros, museus, Centro de Referência da Cultura Popular Lagoa do Nado, bibliotecas, Mis Cine Santa Tereza, Escola Livre de Artes, além de parques e praças da cidade, da zona cultural Praça da Estação e do Território L4 (regiões que apresentam maior índice de vulnerabilidade juvenil da cidade).

 

Para a Secretária Municipal de Cultura e presidenta interina da Fundação Municipal de Cultura, Fabíola Moulin, o lançamento do Circuito Municipal de Cultura reafirma o compromisso da Prefeitura de Belo Horizonte com as políticas públicas de cultura para a cidade. “O projeto consolida todo um esforço desta gestão em promover a democratização do acesso a uma ampla programação artística-cultural diversa e expressiva produzida em Belo Horizonte, Minas Gerais e no Brasil. Dessa forma, é possível trabalhar um calendário anual, contínuo e em perspectiva com o desenvolvimento da cidade e do país”, afirma a presidenta.

 

 

Circuito Municipal de Cultura - Lançamento

O lançamento do Circuito Municipal de Cultura acontecerá neste mês,  junto a programação em comemoração aos 122 anos de Belo Horizonte. Nos dias 6, 7 e 8, o Circuito Municipal de Cultura, em parceria com o Descontorno Cultural, ocupa o Viaduto Santa Tereza e nove centros culturais com atrações como Rincon Sapiência, Tamara Franklin, Orquestra Ouro Preto e Pigmaleão. O Circuito realiza no dia 12, na Praça da Estação, performance em videomapping Roda de Força, VJ Suave, e show do cantor e compositor Jorge Ben Jor. 

 

 

Circuito Municipal de Cultura - Seleção

A programação do Circuito Municipal de Cultura irá considerar a vocação de cada espaço, as demandas das comunidades do entorno, a diversidade do público quanto a faixa etária, hábitos culturais, experiências estéticas e ocupação territorial. Cumprindo o papel de descentralizar e valorizar a cultura regional, o projeto irá apresentar trabalhos de diversos artistas mineiros. Para participar, os interessados devem inscrever as suas propostas artísticas ou de formação nas áreas culturais pelo site do Circuito Municipal de Cultura, a partir de janeiro de 2020.

 

A seleção dos artistas será realizada por uma comissão curadora, formada por representantes da sociedade civil e do poder público, que também fará a curadoria das atrações nacionais. Estão previstas 151 atrações, sendo 90 locais, 12 estaduais, 24 nacionais, além de 24 atrações formativas e uma internacional. 

 

Para Juliana Sevaybricker, presidente do Centro de Intercâmbio e Referência Cultural (CIRC), “o Circuito Municipal de Cultura é um projeto que propõe à cidade de Belo Horizonte a construção coletiva de fluxos de saberes e fazeres e de ocupação dos espaços públicos para criar uma rede de trocas e novas perspectivas para a formação, criação, difusão e fruição no campo da cultura na capital.”

 

 

Programação de lançamento do Circuito Municipal de Cultura

Dia 6/12 – sexta- feira 

  • Local: Viaduto Santa Tereza

 

19h e 20h – VJ Suave – “Suaveciclo” (Audiovisual - São Paulo)

Suaveciclo é um triciclo audiovisual adaptado com projetor, computador, caixa de som e baterias. As projeções iluminam paredes, árvores, calçadas, lagos e propõem de forma lúdica a interatividade dos desenhos de luz com o público, criando momentos únicos entre a cidade e o espectador.

 

19h30 – Tamara Franklin (Música – Belo Horizonte)

Nessa apresentação, Tamara revela seu olhar ao congregar RAP, samba, reggae, baião, tambores e cantos africanos em um único show. A artista alcançou reconhecimento em Minas Gerais, principalmente por sua versatilidade ao transitar entre os vários segmentos da música negra e popular com o RAP. 

 

20h30 - Rincon Sapiência (Música – São Paulo)

Artista de grande destaque na atual cena da música brasileira, Rincon garante que o show do seu segundo álbum está pautado pela musicalidade do pop contemporâneo africano.

 

Dia 7/12 – sábado 

  • Local: Centro Cultural Nordeste - Usina de Cultura

 

10h – Banquete Público - “Comer pela Memória: um possível lugar de experimentações” (Gastronomia – Belo Horizonte)

Comer pela memória é um projeto da cozinheira e pesquisadora Patrícia Brito, que busca nas comunidades tradicionais formas de fazer e comer pelas narrativas orais. Por meio da experimentação alimentar, pretende-se estimular o paladar e as memórias de quem participa de forma a propiciar sabores e formas em um jogo estético.

 

  • Local: Centro Cultural São Bernardo

 

9h às 18h – VJ Suave – “Floresta Encantada” (Audiovisual - São Paulo)

A instalação interativa proporciona uma conexão com a energia invisível da natureza, um resgate à nossa essência cultural e ao autoconhecimento. O projeto é uma ponte para o contato com sabedorias ancestrais através da experiência sensorial da realidade virtual. Ao colocar os óculos, o espectador é transportado para a Floresta Encantada, lar de energias místicas e elementos marcantes da cultura, fauna e flora brasileira.

 

  • Local: Centro Cultural Padre Eustáquio 

 

11h - Velha Guarda de Vila Isabel (Música – Rio de Janeiro)

O Show canta e conta a história do bairro de Vila Isabel e da sua Escola que se confunde com a história do samba carioca. No repertório, músicas de Noel, Ataulfo, Lupicínio, Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Ze Ketti e muitos outros.

 

Dia 8/12 – domingo

  • Local: Centro Cultural Urucuia

 

18h30 - Preta Poeta e convidados, Confronto Urbano e Coletivoz (Literatura e Artes Visuais – Belo Horizonte)

Propõe o encontro entre Preta Poeta, que realiza um sarau convidando poetisas negras de Belo Horizonte e região metropolitana. O Confronto Urbano é um evento de arte que propõe o encontro de artistas urbanos por meio de Duelo de Tags. O Coletivoz sarau de periferia propõe, através de encontros de poesia, um espaço aberto e democrático.

 

  • Local: Centro Cultural Alto Vera Cruz

 

A partir de 9h – “Janela Urbana”, com Luna Bastos e convidados  (Artes Visuais - Teresina e Belo Horizonte)

“Janela Urbana” propõe uma ação conjunta entre Luna Bastos e artistas visuais de Belo Horizonte. Luna traz reflexões e representações simbólicas acerca da realidade, do cotidiano, das construções de identidade e relações humanas na contemporaneidade. 

 

  • Local: Centro Cultural Vila Fátima

 

16h – Grupo Maria Cutia de Teatro - “Auto da Compadecida” (Teatro – Belo Horizonte)

O Grupo Maria Cutia apresenta o espetáculo Auto da Compadecida, texto de Ariano Suassuna e concepção e direção geral de Gabriel Villela. A peça conta as aventuras de João Grilo e Chicó que começam com o enterro e o testamento do cachorro do padeiro e de sua mulher, e acabam em uma epopeia milagrosa no sertão envolvendo o clero, o cangaço, Jesus, Maria e o diabo.

 

  • Local: Centro Cultural Salgado Filho

 

17h – Orquestra Ouro Preto e Grupo Pigmalião Escultura que Mexe – “O Pequeno Príncipe: Concerto para Narrador e Orquestra” (Música e Teatro de bonecos – Ouro Peto/Belo Horizonte)

Inspirado na antiga Coleção Disquinho, que embalou a imaginação de crianças por mais de 30 anos, o universo de Antoine de Saint-Exupéry ganha uma nova versão através dos sons e timbres da Orquestra Ouro Preto. A adaptação feita carinhosamente pelo Maestro Rodrigo Toffolo recebeu música original de um dos mais premiados compositores brasileiros: Tim Rescala. Além disso, ficou a cargo do Grupo Pigmalião toda a concepção e criação dos bonecos apaixonantes que contam a história do principezinho. 

 

  • Local:  Centro Cultural Venda Nova

 

11h – Cia. Pia Fraus – “Gigantes do Ar” (Circo/Teatro – São Paulo)

Este espetáculo é a reunião de “sketches” inspiradas nas populares apresentações de circo-teatro e nos animais de circo e seus amestradores, onde se reúnem palhaços, trapezistas e bonecos infláveis gigantes, em uma atmosfera de humor e poesia circense.

 

  • Local: Centro Cultural Pampulha

 

19h30 – VJ Suave – “Suaveciclo” (Audiovisual - São Paulo)

Suaveciclo é um triciclo audiovisual adaptado com projetor, computador, caixa de som e baterias. As projeções iluminam paredes, árvores, calçadas, lagos e propõe de forma lúdica a interatividade dos desenhos de luz com o público, criando momentos únicos entre a cidade e o espectador.

 

Dia 12 – quinta-feira

  • Local: Praça da estação 

 

20h30 – Abertura e VJ Suave com Vídeo Mapping "Roda de Fogo". Projeção de grandes dimensões em fachadas de edifícios.

 

21h – Show Jorge Ben Jor com grandes sucessos da carreira


Últimas Notícias

#Vá de ônibus: Cruzeiro x Boa Esporte, 22/1, 21h30 Operação de trânsito e transporte para o jogo Cruzeiro x Boa Esporte, dia 22

Será disponibilizada a linha 55 – MOVE Mineirão, saindo da Estação Rio de Janeiro (Plataforma 1B – avenida Santos Dumont).

21/01/2020 | 15:20
Pessoa com o braço esticado fazendo o teste de hanseníase Prefeitura promove ações para alertar sobre sinais e sintomas da Hanseníase

As atividades vão se estender até 20 de fevereiro e têm objetivo de alertar a sociedade civil sobre os sinais e sintomas da doença.

17/01/2020 | 17:28