Pular para o conteúdo principal

Mais de cinco mulheres tocam instrumentos de percussão no carnavl. Ao fundo, foliões.
Foto: Divulgação PBH

Associações e especialistas comemoram os resultados do Carnaval 2019

07/03/2019 | 19:20 | atualizado em 24/05/2019 | 16:04

O período oficial do Carnaval ainda não terminou, mas associações e especialistas já comentam os resultados da festa:

 

“Jamais tivemos uma taxa de ocupação dessa (75%). Foi o maior Carnaval da história da capital. A Prefeitura com a Belotur está de parabéns pela organização. Muita gente do Espírito Santo, Bahia, Rio de Janeiro, Brasília e até do exterior veio para curtir a festa. O Carnaval de Belo Horizonte passa a ser um dos maiores eventos turísticos do Brasil”.

Paulo César Marcondes Pedrosa, presidente da Federação de Hotéis Restaurantes Bares e similares de Minas Gerais

 

“Quem enxergou a oportunidade que o Carnaval representa e trabalhou em função disso, está colhendo os frutos desse esforço”.

Ricardo Rodrigues, presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes - Abrasel em Minas

 

“A previsão da Confederação Nacional Comércio (CNC) é que seremos o terceiro maior Carnaval do país movimentando cerca de 620 milhões de reais, ficando atrás somente de Rio e São Paulo e na frente de outros destinos tradicionais como Bahia e Pernambuco.”

Economista Rita Mundim

 

“Tanto a Guarda Municipal, como a Polícia Militar e a Polícia Civil, trabalharam muito bem. Estão todos de parabéns e não nos esqueçamos da BHtrans, do Corpo de Bombeiros, do SAMU e do setor de limpeza urbana. É tão raro o setor público trabalhar bem no Brasil que quando isso acontece é preciso fazer elogios contundentes.”

Professor Luis Flávio Sapori, especialista em segurança pública

 


Últimas Notícias

Realização do evento cultura Sound System Circuito em Casa reúne 20 atrações culturais em uma semana

O Circuito encerra a sua programação de julho e já inicia a de agosto com 20 diferentes atrações.

27/07/2020 | 17:32
Informações sobre a Covid-19 Mais de 3,5 mil pessoas são abordadas desde a lei que obriga o uso de máscaras

Entre os cidadãos abordados, 1.606 estavam devidamente equipados e outros 1.925 estavam em desacordo com a legislação.

21/07/2020 | 14:48