Pular para o conteúdo principal

81% dos internados por Covid-19 em Belo Horizonte são pessoas não vacinadas
Foto: Rodrigo Clemente

81% dos internados por Covid-19 em Belo Horizonte são pessoas não vacinadas

criado em 09/12/2021 - atualizado em 14/12/2021 | 13:27

Levantamento realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte apontou que 81% dos internados pela Covid-19 em hospitais da Rede SUS e Suplementar não haviam se vacinado contra a doença. Entre os internados vacinados, cerca de 60% tomaram apenas uma dose. A análise foi feita cruzando duas bases de dados, onde são registrados casos confirmados, pessoas vacinadas e internações. Foram considerados os dados atualmente disponíveis de janeiro, quando se iniciou a vacinação na capital, até o final de novembro.  

Os dados também apontam que a eficácia das vacinas reflete na redução global do número de internações. Considerando os meses de março e abril – período mais crítico da pandemia – eram 8.202 internados pela doença. Já nos meses de setembro e outubro, eram 835 internados. À medida que faixas etárias e grupos prioritários foram concluindo o esquema vacinal, as internações reduziram. 

No período entre março e abril, a faixa etária com maior número de internados era a de 60 a 69 anos, com 1.953 pacientes. Já em setembro e outubro, quando as pessoas dessa faixa etária já haviam recebido a segunda dose, eram 193 internados. 

“Os números demonstram a importância de se completar o esquema vacinal. Quanto mais vacinados, menor a transmissão do vírus e, consequentemente, temos redução nas internações e menos casos graves da doença. As vacinas são seguras, eficazes e salvam vidas. Já temos uma nova variante circulando no país. Para que possamos vislumbrar um 2022 mais tranquilo e perto da normalidade, temos que vacinar, usar máscaras de qualidade e ter responsabilidade nos encontros com outras pessoas”, afirma o secretário municipal de Saúde, Jackson Machado Pinto. 

A Prefeitura mantém os postos de vacinação abertos para quem ainda não se vacinou, seja para receber a primeira, segunda ou dose de reforço. Para ampliar o acesso da população aos pontos de vacinação, desde essa segunda-feira, dia 6, a aplicação das doses também está sendo realizada em shoppings da capital, das 13h às 19h30, e os públicos elegíveis para se imunizar nestes locais são exclusivamente os convocados para o dia em questão. Os endereços dos centros de saúde, pontos de drive-thru e extras podem ser verificados no portal da Prefeitura.