Pular para o conteúdo principal

Hipopótamo adulto aproxima focinho de hipopótamo bebe próximo ao lago, durante o dia.
Foto: Daniel Alves

Zoológico de BH comemora Dia do Hipopótamo na quinta, 15/2

09/02/2018 | 18:44 | atualizado em 19/02/2018 | 10:13

O novo filhote de hipopótamo da Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica (FPMZB), nascido no Zoológico de BH em 6 de dezembro de 2017, não desgruda de sua mamãe, Geriza. Esbanjando vitalidade, o animalzinho já se tornou um dos que mais chamam a atenção dos visitantes. Além do filhote, que ainda não teve o sexo identificado, o Jardim Zoológico da Fundação possui outros dois hipopótamos: a fêmea adulta Geriza, que chegou em 1991 e o pequeno Kito, filho dela, nascido em 2013 e que permanece junto dela até hoje no local. O pai de Kito e do novo filhote, faleceu em junho de 2017, de causas naturais.

 

Não por acaso, nessa semana todos os olhares estão ainda mais concentrados no novo filhote. Isso porque, além da ansiedade pela descoberta de seu sexo, o dia 15 de fevereiro é o Dia Mundial do Hipopótamo. E para comemorar essa data tão importante, o serviço de Educação Ambiental da Fundação vai promover, no dia 15, um bate-papo para apresentar os três animais da espécie que integram o plantel do Zoo, além de esclarecer dúvidas sobre a origem desses animais e também sobre como o manejo deles é feito na instituição. O bate-papo também vai trazer uma reflexão acerca do papel dos zoológicos na conservação da fauna e as principais ameaças que essa espécie enfrenta na natureza.

 

Existem apenas duas espécies de hipopótamo não extintas atualmente no mundo: o hipopótamo pigmeu (Choeropsis liberiensis) e o hipopótamo comum (Hipopotamus amphibius). Atrás apenas dos elefantes e rinocerontes, os hipopótamos são o terceiro maior mamífero terrestre em termos de peso, podendo variar de 1 tonelada e meia a 3 toneladas. Suas características são o corpo cilíndrico e maciço, pele nua e tonalidade cinzento-escura.

 

Esses animais podem permanecer até 5 minutos embaixo d’água sem precisar respirar, pois suas narinas se fecham quando submergem: sua cabeça e orelhas possuem membranas que evitam que a água entre nelas durante o mergulho. Não é à toa que a palavra grega que originou o nome hipopótamo significa “cavalo de rio”.

 

Pela necessidade de viver na água, eles passam o dia submersos, protegendo-se do sol intenso e buscando manter a temperatura do corpo baixa. Quando anoitece, saem da água em busca de alimento. Exclusivamente herbívoros, costumam se alimentar de plantas aquáticas, ervas e folhas. Os filhotes, que ficam cerca de um ano se alimentando do leite materno, geralmente começam a comer grama e pasto a partir do terceiro mês de vida.

 

O acasalamento, o nascimento e até a amamentação dos hipopótamos ocorre dentro da água. As fêmeas parem apenas um filhote por vez e a gestação dura de 210 a 250 dias.

 

O que muita gente não sabe é que o suor desses animais, que aparenta ser sangue devido à sua cor avermelhada, é resultado da presença de dois ácidos que têm um papel importante na proteção da pele dos hipopótamos. Além de impedirem o crescimento de bactérias, esses ácidos também servem como filtro solar, bloqueando raios ultravioletas. Outra curiosidade é que se os dentes de um hipopótamo (que chegam a ter 22cm) se quebrarem, eles voltarão a crescer.

 

 

Dia Mundial do Hipopótamo

Data: 15 de fevereiro de 2018

Hora: 9h30 às 11h e 14h às 15h30

Local: Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica (avenida Otacílio Negrão de Lima, 8000, Pampulha), próximo ao recinto dos hipopótamos.

Últimas Notícias

A imagem mostra cerca de 30 pessoas sentadas em um auditório, com as mão levantadas, em uma votação. Pré-Conferências da Criança e do Adolescente estão com inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para as Pré-Conferências Regionais da Criança e do Adolescente, que acontecem entre os dias 14 e 27/9.

20/08/2018 | 19:18
Idosas sentadas em cadeiras se alongam PBH supera meta de expansão no programa Vida Ativa

Nesta quinta-feira, dia 16, começa a funcionar o núcleo da sede da Ação Social Villaregia (rua Canoas, 461, bairro Betânia).

13/08/2018 | 18:06