Pular para o conteúdo principal

Espetáculo “Por Parte de Pai”
Foto: Guto Muniz

Teatro Marília recebe nova temporada do espetáculo “Por Parte de Pai”

criado em 03/08/2022 - atualizado em 03/08/2022 | 15:52

O Teatro Marília (Avenida Alfredo Balena, 586, bairro Santa Efigênia) recebe, na sexta-feira (5) e no sábado (6), às 20h, e no domingo (7), às 19h, o espetáculo “Por Parte de Pai”, do grupo de teatro Atrás do Pano. A peça é uma adaptação da obra do escritor mineiro Bartolomeu Campos de Queirós e é uma das mais premiadas produzida pelo grupo. O espetáculo celebra os 30 anos de fundação do Grupo. Os ingressos custam R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira) e podem ser adquiridos no site Disk Ingressos ou na bilheteria do teatro a partir de duas horas antes da apresentação. A atividade segue os protocolos sanitários de controle da Covid-19. A programação completa dos teatros municipais pode ser acessada no Portal Belo Horizonte.

 

O espetáculo apresenta o olhar de uma criança carregada de sentimentos poéticos e revelações existencialistas sobre o mundo ao seu redor. Cheiros, sensações, sonhos, medos e dúvidas permeiam o cotidiano do menino Antônio, que experimenta a vida na casa dos avós paternos como quem lê um livro de memórias. Suas descobertas são questões filosóficas acerca do tempo, da existência, da vida e da morte.

 

“Por Parte de Pai” é uma adaptação do texto de Bartolomeu Campos de Queirós, com dramaturgia de Carlos Rocha e direção de Epaminondas Reis. Recebeu os prêmios Funarte/Petrobrás Myriam Muniz de Teatro 2012, Cena Minas 2012 e Usiminas/Sinparc 2013 de Melhor Espetáculo Adulto e Melhor Cenário. Muito aplaudido pelo público e pela crítica, o espetáculo volta em cartaz com o elenco original trazendo Antônia Claret, Guda Coelho, Myriam Nacif e Paulo Thielmann.

 

Sobre o Grupo Atrás do Pano

 

Desde a sua criação, o grupo Atrás do Pano investiga a cultura infantil através de trabalhos populares da oralidade e da cultura brasileira. Entre os principais trabalhos do grupo estão “Tem de Tudo Nesta Rua” (1994), adaptação da obra de Marcelo Xavier, “Toalha Mágica” (2004) e “Estórias Cantantes” (2006), nos quais une a adaptação literária a uma dramaturgia lúdica e interativa. Em 2012, aconteceu o encontro com o escritor Bartolomeu Campos de Queirós em “Por Parte de Pai”, o que ampliou o diálogo com o público adulto através da sensibilidade reveladora da criança presente na obra. Em 2022, estrearam “Quase Árvore”, com texto de Francisco Falabella Rocha, inspirado no poeta matogrossense Manoel de Barros.