Pular para o conteúdo principal

Homem sentado com viola nos braços; ao fundo, muitas plantas e árvores.
Foto: Divulgação PBH

Show no Francisco Nunes e Raul Belém Machado celebra consciência social

12/11/2019 | 18:18 | atualizado em 13/11/2019 | 17:53

O Teatro Francisco Nunes e o Teatro Raul Belém Machado recebem, na quarta-feira, dia 13 de novembro, às 20h, e no dia 21, às 20h, o show musical “Viola Caipora”, de Dário Marques. Inspirado no conceito da entidade mitológica tupi-guarani, Caipora, que cuida dos animais e protege o meio ambiente, o show homenageia pessoas que plantam ações e esperanças, espalham amor e colocam-se a serviço de grupos em vulnerabilidade social. O espetáculo foi selecionado por meio do edital CenaPlural 2019, promovido pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, e tem entrada gratuita.

 

"Viola Caipora" é uma homenagem a quem contribui para um mundo melhor. Pessoas que semeiam a vida por meio de atitudes diversas, desde tarefas mais elementares e cotidianas, até as mais complexas. Estas pessoas nem sempre recebem os holofotes dos meios de comunicação e, por isso, não são devidamente reconhecidas pela sociedade. O show é composto por músicas de domínio público e outras autorais, relacionadas ao tema. Elas foram gravadas no álbum de mesmo nome, "Viola Caipora", lançado em 2018, e no álbum "Com Trastes", lançado em 2016.

 

O músico Dário Marques se inspira nas riquezas internas da natureza e das pessoas, no universo das metrópoles ou das zonas rurais, e extrai daí elementos que marcam a sua obra. Traz consigo traços das belezas regionais, tendo como característica a junção entre o urbano e a presença marcante do espírito caipira.

 

 

O CenaPlural

O CenaPlural foi criado pela Prefeitura de Belo Horizonte com o objetivo de fortalecer e potencializar a produção artística nos espaços públicos, promover uma programação cultural diversa e qualificada para a população belo-horizontina, além de premiar e difundir o trabalho de artistas, coletivos e grupos locais.

 

Os grupos selecionados vêm se apresentando nos teatros Francisco Nunes, Marília e Raul Belém Machado, além dos centros culturais da Fundação Municipal de Cultura, ou integrando a programação de projetos especiais como o “Terça da Dança” e o “Música de Domingo”.


Últimas Notícias

Imagens da entrada dos túneis do Complexo da Lagoinha Prefeitura inicia manutenção rotineira nos túneis do Complexo da Lagoinha

De acordo com a BHTrans, neste primeiro momento a interdição do tráfego acontecerá somente na pista busway, sentido centro-bairro.

06/07/2020 | 16:49
Informativo sobre o Coronavírus em Belo Horizonte Prefeitura define diretrizes para contratação de leitos em hospitais privados

O processo de adesão será por meio de chamada pública para seleção simplificada, destinada a hospitais que preencham os critérios definidos.

02/07/2020 | 19:12