Pular para o conteúdo principal

Alunos participam do plantio de árvores em escolas da rede municipal da capital
Foto: Divulgação/PBH

Projetos educacionais incentivam plantio de árvores em escolas municipais de BH

criado em 07/03/2022 - atualizado em 07/03/2022 | 18:24

A Secretaria Municipal de Educação lançou, na última sexta-feira, dia 4, o programa Ecoalfabetização, com o objetivo de incentivar o plantio de árvores e o paisagismo nas escolas municipais da capital mineira.

O Programa Ecoalfabetização, segundo o secretário adjunto de Educação, Marcos Alves, engloba os seguintes projetos:  

EcoEscola BH: tem o objetivo de fortalecer, incentivar, certificar e divulgar ações de Educação Socioambiental das escolas municipais de Belo Horizonte. 

Projeto Plantar BH : tem por finalidade a preservação ambiental por meio do incentivo de plantio de árvores na cidade de Belo Horizonte. Dessa forma pretende-se conscientizar os estudantes sobre a importância das árvores para o meio ambiente, para o equilíbrio climático e para nossa própria saúde. 

Projeto Florescer: visa a revitalização de espaços escolares da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte e tem como objetivo possibilitar um diálogo entre a natureza e a arte, a educação e o meio ambiente. 

O evento, que ocorreu na área externa da Secretaria de Educação, na rua Carangola, bairro Santo Antônio, região centro sul da cidade, contou com a participação da  secretária municipal de Educação Ângela Dalben; do secretário municipal adjunto de Educação Marcos Evangelista Alves; do  chefe de gabinete do vice-prefeito, João Paulo Rodrigues Barros, do secretário Municipal de Meio Ambiente, Mário Werneck, do presidente da Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica Sérgio Augusto Domingues e da vereadora Duda Salabert.  

A secretária Ângela Dalben ressaltou a importância do cuidado com o meio ambiente. “Estes projetos são relevantes para o futuro da cidade, com a educação ambiental para nossas crianças, além de deixar o ambiente escolar mais alegre pós-pandemia”. 

João Paulo Rodrigues Barros destacou que Belo Horizonte é conhecida como a cidade jardim, a cidade que acolhe e proporciona uma vida mais saudável. “Precisamos construir uma cultura para entendermos que o planeta é a nossa casa, para construirmos uma relação com o meio ambiente e esse projeto visa isso ”. 

O secretário adjunto, Marcos Alves, informou que a previsão é plantar centenas de árvores e implementar o projeto de paisagismo nas 323 escolas da rede municipal. "Já iniciamos a implementação dos jardins (Projeto Florescer) em algumas escolas e a ideia é chegarmos a todas. Além de garantir um ambiente alegre e bonito por meio do paisagismo, incentivamos o aproveitamento de espaços com a criação de hortas (Projeto Ecoescola). 

Durante o evento foi realizada uma oficina de plantio de árvores com os estudantes das escolas municipais Santo Antônio, Presidente João Pessoa,  Paulo Mendes Campos,e Emeis Timbiras e Vila Estrela. 

Para assistir ao vídeo do lançamento basta clicar neste link