Pular para o conteúdo principal

Mais de seis idosas de camiseta laranja caminhando em lugar arborizado.
Foto: Vilma Tomaz/PBH

Programa da PBH oferta passeios turísticos e culturais para a terceira idade

07/08/2019 | 18:45 | atualizado em 08/08/2019 | 08:42

Entre os turistas que visitam atrações de Belo Horizonte e região metropolitana estão os usuários do Vida Ativa, programa desenvolvido pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, com oferta de atividades físicas e recreativas para as pessoas acima de 50 anos. Intitulada Alegria de Viver, a ação consiste em passeios culturais e turísticos para os usuários que frequentam os 45 núcleos do Vida Ativa em Belo Horizonte. Também participam das excursões idosos residentes em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs).

 

O projeto Alegria de Viver tem a proposta de promover a socialização e maior conhecimento sobre a agenda cultural e patrimônio histórico da cidade e região. Desde abril deste ano, cerca de 400 idosos visitaram destinos como o Instituto Inhotim, em Brumadinho; Santuário Basílica da Nossa Senhora da Piedade, na Serra da Piedade, em Caeté; Convento de Macaúbas, em Santa Luzia; e Museu de Artes e Ofícios, em Belo Horizonte.

 

No total, até o fim do ano, serão 40 passeios com a presença de mais de mil usuários dos núcleos do Vida Ativa e residentes nas ILPIs.

 

Na delegação de visita ao Instituto Inhotim, no dia 31 de julho passado, estavam os idosos dos núcleos do Vida Ativa do Centro de Apoio Comunitário (CAC) Barreiro e Igreja Santa Luzia. Eles tiveram oportunidade de conhecer as galerias de artes e jardins daquele que é considerado o maior museu a céu aberto do mundo.

 

Uma das participantes foi Marilene Lima Teixeira, de 76 anos, três filhos, moradora do bairro Teixeira Dias, na região do Barreiro: “Não podia perder essa oportunidade de conhecer o Inhotim e usufruir da companhia das minhas amigas da Vida Ativa”, disse. Nos dias 14, 21 e 29 de agosto, cerca de 400 idosos vão conhecer o Instituto Inhotim e o Convento de Macaúbas. Eles embarcam às 8h nos núcleos do Vida Ativa e retornam às 13h.

 

 

Vida Ativa 

O Vida Ativa é um programa da Prefeitura de Belo Horizonte oferecido a adultos com idade superior a 50 anos. Com mais de três mil usuários por mês, o programa está presente em 45 núcleos regionalizados de Belo Horizonte, com atividades planejadas e orientadas por profissionais de educação física. O objetivo é promover a saúde, a autonomia e a integração social dos participantes, com aulas coletivas de ginásticas, jogos, brincadeiras, danças e outras atividades.

 

O programa também presta atendimento em Instituições de Longa Permanência para Idosos, com a realização semanal de atividades físicas e recreativas adaptadas, além de passeios externos com programação em cinemas, teatros e shows. Inscrições para todas as atividades dos núcleos do programa podem ser feitas presencialmente no local de realização das aulas ou pelo e-mail vidaativa@pbh.gov.br. Os interessados podem acessar os endereços dos núcleos e horários de funcionamento neste link.

 

 

07/08/2019. Vida Ativa - Passeio Alegria de Viver em Inhotim. Fotos: Vilma Tomaz/PBH

Últimas Notícias

Mais de cinquenta pessoas, sentadas em círculo, conversam, durante o dia. Venda Nova, Barreiro e Pampulha realizam pré-conferências de Assistência Social
As discussões e estarão ancoradas pela temática “Assistência Social: Direito do Povo com Financiamento Público e Participação Social".
19/08/2019 | 19:46
Casal em frente a uma barraca de tração de churrasquinhos Abertas inscrições para 600 vagas para o comércio nas ruas

As inscrições para licenciamento de comércio em veículos de tração humana, automotores e foodbikes estão abertas a partir do dia 19/8.

13/08/2019 | 20:40