Pular para o conteúdo principal

Prefeitura segue em diálogo com representantes da Educação
Foto: Deputado Rogério Correia/Divulgação

Prefeitura segue em diálogo com representantes da Educação

criado em 01/04/2022 - atualizado em 04/04/2022 | 18:41

O prefeito Fuad Noman reuniu na manhã desta sexta-feira, dia 1º, com representantes da Educação e do Legislativo estadual em sequência ao diálogo e o respeito adotados nos últimos anos pelo Município. O prefeito se comprometeu a estudar com a equipe técnica novos desenhos e propostas para a categoria, desde que não haja comprometimento da saúde fiscal do Município.

 

Na última quarta-feira, dia 30, a Prefeitura já havia se reunido com o Sindicato e apresentado novas propostas à categoria. Na data, foi apresentada proposta alternativa com o mesmo custo estimado da proposta original, que seguem abaixo:

 

- Cumprimento do piso, conforme proposta original de remanejamento dos servidores dos níveis 3 a 7 para o nível 8.

- Alternativa de concessão de 23,23% para todos professores ativos com nível superior: com o reajuste de 11,77% + 10,25% com concessão de duas progressões na tabela em alternativa às relativas ao saldo remanescente do FUNDEB e outros pontos apresentados na proposta original, como vale-cultura, abono e bolsa de estudo.

 

PBH paga acima do piso

 

A Prefeitura reitera que sempre cumpriu com o pagamento do piso nacional dos professores e os reajustes advindos das negociações englobam valores superiores ao piso proporcionalizado.

 

A lei federal estabelece o piso para 40 horas trabalhadas e, como a jornada em Belo Horizonte é de 22h30, o pagamento é proporcional a esse quantitativo de horas.

 

Valor médio pago em Belo Horizonte para 22h30 semanais (menos de 5 horas diárias):

 

Professor municipal: R$ 4.202,68

Professor para a educação infantil: R$ 3.104,98

 

Aumentos significativos

 

No comparativo entre dezembro de 2016 e dezembro de 2022, os aumentos serão:

 

Professores para Educação Infantil: 140,18% de aumento na remuneração média no período (considerando o aumento proposto).

Professores do Ensino Fundamental: 81,99% de aumento na remuneração média no período (considerando o aumento proposto).