Pular para o conteúdo principal

Assistente social distribuindo marmitex à moradora
Foto: Zaira Magalhães

Prefeitura distribuiu mais de 10 mil marmitex durante período de chuvas

06/02/2020 | 15:10 | atualizado em 03/07/2020 | 19:56

 

A Secretaria Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania distribuiu cerca de 10,5 mil marmitex entre os dias 23 de janeiro e 4 de fevereiro. O número corresponde a uma média diária de 600 refeições – preparadas nos Restaurantes Populares – destinadas aos atingidos pelas chuvas em Belo Horizonte e integrantes das equipes que atuam nas medidas preventivas e emergenciais.  

 

Rogério Souza, morador do bairro Jardim Alvorada, na regional Pampulha, precisou deixar a casa onde morava com a mãe e o tio no dia 27 de janeiro. Desde então ele está morando com parentes e recebe o marmitex diariamente. “Esse apoio da Prefeitura foi muito importante em um momento em que não temos muitas respostas e precisamos estar fortes. A comida é muito saudável e saborosa, mas mais do que isso, ela tem nos ajudado a seguir em frente”, conta.

 

Maria Júlia Ferraz, a dona Júlia, como é carinhosamente conhecida pelos moradores da Vila Bernadete, não foi atingida diretamente pelas chuvas, mas atuou no apoio às famílias da comunidade. Ela colaborou na distribuição dos marmitex e concorda que a comida é saborosa e muito importante para as famílias nesse momento de fragilidade.
 

“É um momento difícil para todos e o apoio recebido da Prefeitura tem nos ajudado muito. Todos que receberam a refeição ficaram agradecidos e gostaram bastante”, diz dona Júlia, que mora na Vila Bernadete há 50 anos.

 

No primeiro final de semana de fortes chuvas, 40 colaboradores dos restaurantes populares reforçaram a produção de marmitex, trabalhando em um esquema de plantão durante todo o dia. “Foi um trabalho intersetorial no atendimento às famílias em áreas de risco, com equipes das Subsecretarias de Assistência Social, de Segurança Alimentar e de Direito e Cidadania, da Saúde, da Urbel e da Defesa Civil. Nossos servidores atuaram na produção das refeições e em toda a linha de montagem e distribuição dos marmitex nas nove regionais. Trabalhamos para garantir a assistência alimentar das equipes que estavam em campo e das famílias, com a qualidade reconhecida dos Restaurantes Populares”, explica Maíra Colares, secretária Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, pasta que coordena os Restaurantes Populares no município.

 

As refeições foram distribuídas também para as equipes sociais que atuaram no cadastro e acolhimento das famílias. “Quando temos à disposição uma oferta como a assistência alimentar, garantimos não só a continuidade do trabalho das equipes, mas a garantimos com extrema qualidade, com balanceamento nutricional. Isso dá segurança ao trabalhador que está no campo atendendo às famílias“, conta a diretora regional de Assistência Social do Barreiro, Ângela Souza.


Últimas Notícias

Imagens da entrada dos túneis do Complexo da Lagoinha Prefeitura inicia manutenção rotineira nos túneis do Complexo da Lagoinha

De acordo com a BHTrans, neste primeiro momento a interdição do tráfego acontecerá somente na pista busway, sentido centro-bairro.

06/07/2020 | 16:49
Informativo sobre o Coronavírus em Belo Horizonte Prefeitura define diretrizes para contratação de leitos em hospitais privados

O processo de adesão será por meio de chamada pública para seleção simplificada, destinada a hospitais que preencham os critérios definidos.

02/07/2020 | 19:12