Pular para o conteúdo principal

Prazo para beneficiários do BPC se cadastrarem no CadÚnico é prorrogado

04/01/2019 | 17:45 | atualizado em 08/01/2019 | 15:52
Cerca de 6 mil pessoas com deficiência e idosos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) da Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) e ainda não fizeram inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) poderão ter o benefício suspenso, conforme determina o Decreto Federal 8805, de 7 de julho de 2016. Em Belo Horizonte, o BPC é concedido a aproximadamente 40 mil pessoas, das quais apenas 34 mil realizaram a inscrição no CadÚnico. O cadastramento deve ser feito em uma das nove Coordenadorias de Atendimento Regionais da cidade.
 
Confira o endereço das Coordenadorias da Prefeitura.

O prazo final, que era 31/12/2018, foi prorrogado e passa a ser feito por lotes, de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. Os cidadãos que fazem aniversário nos meses de janeiro, fevereiro e março têm até 30 de abril para realizarem o cadastro. Os aniversariantes de abril, maio e junho poderão se cadastrar até 31 de julho, e para aqueles que fazem aniversário nos meses de julho, agosto e setembro o prazo vai até 31 de outubro. Já para os beneficiários nascidos nos meses de outubro, novembro e dezembro o prazo vai até 31 de janeiro de 2020.

“Todas as pessoas que recebem o benefício e que ainda precisam realizar o cadastro já foram chamadas pela Prefeitura, por correspondência, para realizarem o procedimento. Caso o beneficiário do BPC não tenha recebido a carta, ainda assim deverá procurar o Coordenadoria de Atendimento Regional mais próxima de sua residência, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira”, informa a gerente de Gestão de Benefícios, Programas e Projetos Socioassistenciais da Secretaria Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, Simone Pegoreti.


O que é e quem tem direito ao BPC?


O BPC é um benefício de um salário-mínimo mensal para pessoas idosas (65 anos ou mais) e pessoas com deficiência (qualquer idade) que comprovem não possuir meios de prover o próprio sustento. Para ter direito, é necessário que a renda por pessoa do grupo familiar seja menor que 1/4 do salário-mínimo vigente. Novos usuários interessados em receber o BPC devem procurar o CRAS mais próximo de sua casa.
Ouça este conteúdo

Últimas Notícias

PBH realiza reconstrução da rede de drenagem na avenida dos Andradas

Reconstrução da rede de drenagem na avenida dos Andradas gera economia e mais segurança à população.

16/01/2019 | 19:44
Fachada do BH Resolve, durante o dia. Sala Mineira do Empreendedor, no BH Resolve, vai oferecer serviços da Fecomércio

Desde 15/1, a Fecomércio MG vai oferecer seus serviços na Sala Mineira do Empreendedor, no BH Resolve.

15/01/2019 | 19:50