Pular para o conteúdo principal

Agentes da SLU realizam limpeza da Praça Duque de Caxias.
Foto: Karla Iozane

Praça Duque de Caxias recebe serviços diários de limpeza

11/01/2018 | 16:03 | atualizado em 16/01/2018 | 12:26

Nas férias ou em qualquer época do ano, um passeio por parques e praças da cidade é sempre uma boa opção gratuita de lazer. Um dos lugares mais antigos, tradicionais e queridos de Belo Horizonte, a Praça Duque de Caxias, localizada no bairro Santa Tereza, região Leste da capital, é uma das preferidas por crianças e adultos para a prática da caminhada e de outras atividades físicas ao ar livre. 

E para manter todo o charme e encantamento da praça, a Superintendência de Limpeza Urbana (SLU) esforça-se diariamente para manter tudo limpo. Carlos Roberto Rodrigues da Silva, gerente encarregado dessa limpeza, esclarece que a varrição no local ocorre de domingo a domingo, sempre pela manhã. A coleta domiciliar é feita às segundas, quartas e sextas-feiras, no período noturno. “Pedimos aos moradores e frequentadores dos bares da região que jamais descartem garrafas de vidro nos gramados e canteiros de flores, por sujar os espaços e ainda oferecer riscos às pessoas que circulam por ali”, adverte. 

Jornalista e moradora do bairro Santa Tereza, Eliza Peixoto elogia a varrição da praça que, segundo ela, tem sido realizada de maneira adequada, atendendo às demandas da região. Contudo, Eliza observa que parte da população ainda tem o hábito de expor os resíduos domiciliares para o recolhimento muito antes do horário preestabelecido para a coleta. “É importante que todos obedeçam à recomendação da SLU de somente disponibilizar o lixo, devidamente acondicionado, a partir das 19h, pois a coleta começa às 20h”, alerta. “Sacos de resíduos nas calçadas durante o dia atrapalham o trânsito de pedestres e podem se romper, sujar as vias e causar contratempos mais sérios, como entupimento de bocas de lobo e até alagamentos.”

Segundo a chefe da Divisão de Projetos de Limpeza de Vias, Cristina Ozório de Figueiredo, o bairro é atendido por 217 cestos coletores para resíduos leves. Somente na praça Duque de Caxias, foram instaladas quase 40 lixeirinhas. “Pedimos à população que utilize a lixeira mais próxima ou pratique outra destinação correta, uma vez que há locais que não permitem a instalação desses equipamentos”, lembra Cristina.

Diversos outros serviços regulares são mantidos no Santa Tereza, como combate a deposições clandestinas, limpeza das passarelas do bairro que dão acesso ao metrô, capina nas ruas e nos becos de vilas próximas, remoção de pichação e retirada de carcaças de veículos.

Com foco na conscientização de moradores, comerciantes e visitantes sobre a importância de atitudes que colaborem com a limpeza do bairro, sempre que é preciso, equipes do Departamento de Políticas Sociais e Mobilização da SLU realizam ações educativas na região, chamando a atenção dos cidadãos para a necessidade de práticas ambientalmente adequadas no dia a dia. O trabalho de sensibilização contribui para a preservação de monumentos, equipamentos públicos, áreas verdes e espaços de lazer. Um dos objetivos das ações é que Prefeitura e comunidade caminhem unidas, compartilhando as responsabilidades no cuidado com a cidade, para que os resultados sejam duradouros e todos ganhem em qualidade de vida. 

 

 

11/01/2018. Limpeza Santa Tereza. Fotos: Divulgação/SLU


Últimas Notícias

Mapa descrevendo o desvio na Av. Afonso Pena BHTrans faz operação de trânsito para Carnaval 2020 na avenida Afonso Pena

Para a segurança de todos, a BHTrans orienta os motoristas que redobrem a atenção e respeitem a sinalização implantada.

21/02/2020 | 14:02
Mãe segurando a filha no Hospital Odilon Behrens Hospital Odilon Behrens oferece uma rede ampla de atenção à gestante

As mulheres são atendidas por demanda espontânea ou por meio de encaminhamento feito por outros serviços de saúde.

21/02/2020 | 12:41