Pular para o conteúdo principal

Fachada da Prefeitura iluminada de roxo em homenagem às mulheres
Foto: Adão de Souza

PBH participa da celebração do Dia Internacional das Mulheres

08/03/2021 | 10:43 | atualizado em 08/03/2021 | 14:02

A Prefeitura de Belo Horizonte participa, ao longo deste mês, de diversas atividades que celebram o Dia Internacional da Mulher, nesta segunda-feira, dia 8, e que têm como foco discutir pautas pertinentes à construção de políticas para as cidadãs do município. Também em alusão à data, a sede do executivo municipal está iluminada na cor roxa.

 

Nesta segunda-feira, a secretária municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, Maíra Colares, participa da mesa de abertura do evento “Sempre Vivas”, organizado pela  Assembleia Legislativa de Minas Gerais, realizada virtualmente neste ano pelo canal da ALMG. Com o tema, “Mulheres contam como enfrentaram a pandemia”, o encontro será um momento de discutir os desafios da população feminina na crise causada pela pandemia de Covid-19.

 

A secretária destaca a importância da atuação do município no desenvolvimento de políticas permanentes de defesa dos direitos das mulheres, que reconheçam as suas necessidades, que as protejam das situações de violação e colaborem com o rompimento do ciclo de violência. “Em especial neste momento de pandemia, é imperativo compreender o quanto as mulheres estão sendo afetadas e colaborar para que a situação de vulnerabilidade possa ser superada, apoiando mulheres e suas famílias”, destaca Colares. 

 

Belo Horizonte atua como município subcoordenador da Unidade Temática de Gênero da Rede Mercocidades,  e dá início às celebrações com a  assinatura da nota técnica da unidade. Atualmente, a rede é formada por 356 cidades sulamericanas de 10 países do continente, são eles: Brasil, Argentina, Uruguai, Venezuela, Paraguai, Chile, Bolívia, Equador, Peru e Colômbia. 

 

Criada em 1999, a Unidade Temática de Gênero denuncia situações de vulnerabilidade das mulheres na região e no mundo, além de  impulsionar políticas transversais de gênero que abordam as problemáticas que enfrentam as cidades, com o objetivo de promover a participação ativa das mulheres e seu empoderamento.

 

A diretora de Políticas para as Mulheres, Cibele Vieira Feital, salienta a importância de elaborar e executar políticas que atuem diretamente  na construção da equidade de gênero e no enfrentamento às diferentes formas de discriminação e violência contra a mulher.  “Nosso compromisso é  investir cada vez mais. Temos como prioridade oferecer serviços especializados e continuados, sem interrupção, além de aplicar estratégias para a melhoria das ações e fluxos, especialmente na construção de políticas, serviços e ações que efetivamente tragam impactos positivos para o município”, destaca.