Pular para o conteúdo principal

Fachada da Prefeitura de Belo Horizonte
Foto: Arte PBH

PBH divulga Manual Prático do Programa de Fomento à Integridade Pública

07/05/2020 | 15:34 | atualizado em 15/05/2020 | 09:21

Foi aprovado nesta terça-feira, dia 5, o Manual Prático do PFIP - Programa de Fomento à Integridade Pública e à Gestão de Riscos, que fornece diretrizes para a implementação de Programas de Integridade na Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Município de Belo Horizonte.

O Manual se destina ao auxílio dos grupos de trabalho/comitês envolvidos na elaboração e implementação de Planos de Integridade nos órgãos e entidades da Administração Pública Municipal e aos gestores, autoridades máximas e servidores dos órgãos e entidades da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.
    
Segundo Leonardo Ferraz, controlador-geral do município, “o documento, de viés prático e didático, tem a pretensão de se apresentar como um referencial seguro e confiável para que a Prefeitura de Belo Horizonte possa estar afinada com o há de melhor na necessária e constante busca de um renovado modelo de atuação, com o objetivo concreto de melhorar as entregas do poder público para a população, pois afinal, o compromisso indelével desta gestão, é e deve ser sempre, governar para quem precisa”.
 
O Manual pode ser acessado na íntegra através desta página.
 

 
Sobre o programa

O Programa de Fomento à Integridade Pública e à Gestão de Riscos para órgão e entidades do Poder Executivo Municipal, da Controladoria-Geral do município, foi instituído por meio da Portaria CTGM nº 04/2019.

Os benefícios do Programa para órgãos e entidades incluem a melhoria da eficácia e eficiência operacionais; a melhor alocação e utilização dos recursos; o aumento da resiliência da organização; além da criação ou melhoria de mecanismos de controle para evitar fraudes, corrupção e o uso indevido do poder hierárquico, assim como para evitar o nepotismo e o conflito de interesses entre partes relacionadas.

 

Requisitos

A adesão dos órgãos e entidades ao Programa é voluntária e é realizada mediante assinatura, pela autoridade máxima do órgão ou entidade, do Termo de Adesão.


Quem já aderiu

Já aderiram ao Programa as seguintes Unidades Administrativas da Prefeitura de Belo Horizonte:

1) URBEL- Companhia Urbanizadora de Belo Horizonte;
 
2) FMC - Fundação Municipal de Cultura;
 
3) PRODABEL - Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte, e
 
4) PBH Ativos S.A.
 
5) BHTRANS - Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte
 
6) SMOBI - Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura
 
7) SUDECAP -  Superintendência de Desenvolvimento da Capital
 
8) BELOTUR - Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte
 
9) HOB - Hospital Metropolitano Odilon Behrens
 
10) SMEL - Secretaria Municipal de Esportes e Lazer

Para saber mais, acesse esta página.

 


Últimas Notícias

Informativo sobre o Coronavírus em Belo Horizonte Baixa de construção pode ser obtida utilizando drone e por meio digital

A Prefeitura construiu um procedimento para que a baixa de construção possa ser feita por fotos e vídeos obtidos por drone.

29/05/2020 | 17:37
Prestação de contas na Câmara Municipal de Belo Horizonte PBH intensifica ações na Saúde e Políticas Sociais, mesmo com queda nas receitas

Dados demonstram que o Município arrecadou R$ 4,7 bilhões de janeiro a abril, cerca de 34% do total previsto para o ano – R$ 13,7 bilhões.

29/05/2020 | 12:05