Pular para o conteúdo principal

Literatura Contemporânea é tema da 13ª Coluna Literária
Foto: Arte/PBH

Literatura Contemporânea é tema da 13ª Coluna Literária

criado em 25/05/2022 - atualizado em 26/05/2022 | 15:19

A Secretaria Municipal de Cultura e a Fundação Municipal de Cultura lançaram, nesta quarta-feira (25), a 13ª edição da Coluna Literária. Com o tema “Literatura Contemporânea”, esta edição destaca romances que dialogam com outros gêneros textuais ou outras mídias. A Coluna Literária, que traz dicas para o incentivo da leitura, pode ser conferida na íntegra no blog do Portal Belo Horizonte. 

A literatura contemporânea é bastante diversificada, entretanto é possível identificar algumas tendências na produção textual em determinadas épocas ou períodos. Nesta edição da Coluna literária estão disponibilizadas resenhas dos livros “Divórcio”, de Ricardo Lísias, e “Bonsai”, de Alejandro Zambra. Nestas obras, o destaque é a intermidialidade, seja no entrelaçamento de gêneros textuais numa mesma obra, seja no diálogo dos textos com outras mídias, como a fotografia e a propaganda. As obras escolhidas também se valem da materialidade do projeto gráfico dos livros, deixando pistas para os leitores sobre as narrativas, além de subverter os limites entre ficção e não-ficção. 

Já o perfil literário será de Verônica Stigger, escritora, jornalista e professora universitária brasileira. Stigger foi finalista do Prêmio Jabuti em várias edições e, em 2017, ganhou o 1º lugar na categoria "contos e crônicas'', com a obra Sul. Em 2013, seu primeiro romance, Opisanie swiata - Cosac Naify, ganhou os prêmios São Paulo de Literatura, Prêmios Açorianos de Literatura e Prêmio Machado de Assis da Biblioteca Nacional. 

Diretora de Promoção dos Direitos Culturais da Fundação Municipal de Cultura, Bárbara Bof explica a escolha do recorte da edição. “Ao trazer o tema da Literatura Contemporânea, buscamos um olhar para a produção dos nossos tempos, suas potências e deslocamentos provocados, reconhecendo a diversidade e a importância desse gênero literário. A Coluna é um convite para que leitores e leitoras conheçam o acervo da rede de bibliotecas públicas da Fundação Municipal de Cultura, disponível nas nove regionais da cidade”, afirma a diretora. 

Sobre a Coluna Literária 

A Coluna Literária é uma atividade do projeto Promoção da Leitura, da Gerência de Bibliotecas Promoção da Leitura e da Escrita, que integra a Diretoria de Promoção dos Direitos Culturais da Fundação Municipal de Cultura. A iniciativa foi criada com o intuito de aproximar leitores e leitoras da ação de promoção e incentivo à leitura e escrita realizada pela rede de bibliotecas públicas municipais, a partir da difusão de livros e publicações que estejam disponíveis no sistema Pergamum das Bibliotecas da FMC. 

Rede de Bibliotecas 

A Rede de Bibliotecas da Fundação Municipal de Cultura é composta por 22 unidades que atuam de forma integrada, em todas as regionais da cidade. São 17 bibliotecas instaladas nos Centros Culturais, além do Centro de Referência da Cultura Popular e Tradicional Lagoa do Nado, do Museu da Moda (MUMO), do Cine Santa Tereza, da Escola Livre de Artes e a Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte (BPIJ-BH). Juntas, elas receberam em 2019 e 2020 mais de 18 mil títulos em seu acervo e garantem o acesso gratuito a 46.350 títulos e 115.780 exemplares, entre livros, gibis, folhetos, artigos, dissertações, monografias, teses, periódicos, CD-ROMs, DVDs, catálogos e outros itens. O público pode pesquisar o acervo das bibliotecas e fazer a reserva de livros e publicações através do catálogo on-line no site www.bibliotecasfmc.pbh.gov.br