Pular para o conteúdo principal

Centro de referência em urbanismo, arquitetura e designe - Foto: Marcelo Rosa
Foto: Marcelo Rosa

Guarda Municipal garante a segurança no Circuito Pampulha

18/05/2017 | 18:38 | atualizado em 21/03/2018 | 14:45

As noites de terça-feira nunca mais serão iguais em Belo Horizonte. Desde o lançamento do projeto Circuito Pampulha Noturno, promovido pela Fundação Municipal de Cultura em parceria com a Belotur, inaugurado em 11 de abril, todas as terças, sempre das 18h às 21h, a população e os visitantes da cidade tem, à sua disposição, uma variedade de opções culturais, artísticas e de lazer, contando com o privilégio de ter o Conjunto Moderno da Pampulha como cenário.

 

A presença de guardas municipais realizando patrulhamento a pé e motorizado no entorno da orla permite que as visitas sejam realizadas com a devida segurança em todos os equipamentos culturais locais, como o Museu de Arte da Pampulha, Casa do Baile, Casa Kubitschek, CAT Veveco e praças Dino Barbiere e Dalva Simão, onde são realizadas as atividades do projeto. Turistas internacionais e nacionais e visitantes em geral, das mais diversas idades e origens, transitam de forma descontraída pelos espaços, seja curtindo os shows, exposições e apresentações teatrais, ou mesmo embarcando no Pampulha Retrô Tour, para uma viagem no tempo.

 

De acordo com o inspetor Charles Alexandre Augusto, responsável pela 1ª Inspetoria da Guarda Municipal, que abrange a Pampulha, Venda Nova e Região Norte da capital, o fato de todo o perímetro do Conjunto Moderno da Pampulha ter seu efetivo reforçado às terças garante também a preservação do patrimônio público, reconhecido como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. “Mantemos uma viatura fixa com dois guardas municipais na Igrejinha de São Francisco de Assis, enquanto outros dois carros percorrem a orla, com o auxílio de duas motos, ocupadas por uma dupla de agentes, cada uma”, revela.

 

Gustavo Mendicino, diretor do Conjunto Moderno da Pampulha, aplaude a atuação da Guarda Municipal. “Muito importante contar com a excelência da Guarda Municipal na Pampulha, nosso Patrimônio Cultural da Humanidade e principal cartão-postal da cidade. Um dos itens que sempre nos preocupou foi a segurança, que, com a presença da Guarda, está garantida. O trabalho proposto e que tem sido executado está muito satisfatório e não temos registrado nenhum problema no circuito de visitação noturna e nem mesmo nos outros dias", afirma Mendicino.

 

Banda na praça

As fardas azuis podem ser notadas também nas rondas realizadas a pé por 10 guardas municipais, que estendem sua área de cobertura até o Parque Ecológico e o Jardim Zoológico. Três agentes do Canil da Guarda Municipal completam a equipe, com um cão treinado. “Em breve, um curso básico de Inglês será oferecido para os agentes, visando aperfeiçoá-los ainda mais para o atendimento aos turistas estrangeiros, em suas demandas por orientações diversas e informações sobre a Pampulha”, conclui.

 

A programação do Circuito Pampulha Noturno da próxima terça-feira, dia 23, inclui uma apresentação da Banda da Guarda Municipal, na Praça Dino Barbieri. Composto por 41 músicos, o grupo recentemente comemorou 10 anos de sua fundação. O repertório que será apresentado na Pampulha inclui músicas nacionais, com sambas de compositores antigos e contemporâneos, e também sucessos internacionais.