Pular para o conteúdo principal

Painelistas e  representantes da Prefeitura e BrazilLAB posam para foto, registrada no palco, tendo ao fundo os participantes do evento
Foto: Aline Pereira

Evento com empreendedores busca soluções para a cidade

09/06/2017 | 14:21 | atualizado em 13/06/2017 | 08:35

Belo Horizonte sediou na última terça-feira, 6, o evento de lançamento da 2ª edição do BrazilLAB,  programa de inovação que acelera ideias e conecta empreendedores com o poder público, apresentando soluções aos desafios mais complexos da sociedade brasileira. O encontro aconteceu no Centro de Referência da Juventude, com o apoio do município.

 

O painel contou com o presidente da Empresa de Informática e Informação - Prodabel, Leandro Garcia, o secretário municipal de Desenvolvimento, Daniel Nepomuceno, a diretora da Endeavor Brasil, Marcela Zonis, e o fundador AppProva e empreendedor do BrazilLAB, João Gallo, com mediação de Emília Paiva, coordenadora do BraziLAB em Minas Gerais. O tema abordado foi “Empreendedorismo e Governo: como essa parceria pode transformar o nosso país?”. Após o debate, foram abertas perguntas aos empreendedores e participantes, que puderam compartilhar experiências e apresentar desafios.

 

O secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão, André Reis, destacou sobre a satisfação da administração municipal em firmar uma parceria com a BrazilLAB. “Há um casamento de interesses da PBH com a BrazilLAB no sentido de  modernizar os serviços públicos, deixando-os mais ágeis . É uma meta do Município fortalecer o crescimento de start ups que possam apresentar soluções para os enormes  desafios da administração municipal”.

 

O secretário municipal de Desenvolvimento, Daniel Nepomuceno, falou sobre os desafios do gestor público e o papel do empreendedorismo na busca de soluções para a administração. “Desde o início deste governo, tínhamos o desafio de tentar mudar a lógica econômica da cidade, que é voltada para serviços. A resposta é investir em tecnologia. BH poder ser uma smart city e e tonar-se referência nacional em tecnologia. Abrimos conversas com empreendedores para modernizar nossos serviços. Já temos boas ideias nas áreas de educação, saúde e mobilidade e queremos mais diálogos com os empreendedores”.

 

As parcerias de tecnologia de informação com os empreendedores foram temas abordados pelo presidente da Prodabel, Leandro Garcia. “O maior diferencial que temos hoje na administração municipal é que seguimos o mesmo caminho do investimento em tecnologia. Queremos implantar elementos de smart city em toda a cidade. Temos vocação e estrutura para sermos referência em tecnologia. Para aproveitarmos as diversas oportunidades temos que ter muitas cabeças pensantes, que nos tragam criatividade e a visão de quem está do lado de fora do governo para construirmos uma cidade mais eficiente e eficaz”.

 

Próximos passos

 

O BrazilLAB selecionará 10 startups de todo o Brasil para participarem do laboratório. Os empreendedores devem apresentar soluções para três áreas diferentes: agricultura urbana, equilíbrio fiscal  e comunicação. As inscrições podem ser feitas até o dia 5 de julho pelo site da BrazilLAB

 

Ao todo, serão quatro ciclos de atividades presenciais, que vão de agosto a dezembro, incluindo mentoria especializada, workshops, networking, visitas em campo e participação em rodada com investidores. Ao final do programa, os três finalistas receberão o investimento de R$ 50 mil e o primeiro lugar ganhará um curso de duas semanas no Vale do Silício, na Draper University. Além disso, eles terão todo o apoio na aproximação com a poder público para a implantação dos seus projetos nas prefeituras.

 

Reconhecimento

 

Na última edição, foram mais de 600 projetos inscritos, dos quais 11 foram selecionados para participar de laboratório. O projeto AppProva, apresentado pelo empreendedor João Galo, de Belo Horizonte, foi um dos escolhidos. Trata-se de uma plataforma de testes e diagnósticos gratuitos para alunos, escolas e instituições de ensino superior.

 

“Após passar por tantos programas, nos sentimos preparados para fazer propostas ao poder público. Após vários estudos, consegui perceber a amplitude dos desafios por que passa um gestor público. Há muitos empreendedores que querem fazer com que as coisas deem certo e vejo que esta administração tem muita vontade de firmar parcerias e de  desenvolver novas ideias para modernizar seus serviços”, disse Galo.

 

A proposta, agora, é firmar uma parceria com a Brazillab para que o AppProva seja disponibilizado nas escolas municipais e contribua nos avanços do ensino público de milhares de crianças e adolescentes de Belo Horizonte. “Queremos muito ter mais um caso de sucesso em Belo Horizonte . Acreditamos nesse ecossistema e queremos potencializar o que já está acontecendo nesta cidade com o que BrazilLAB pode oferecer”, disse o coordenador nacional do programa, Marcello Danelli.

 

Sobre o BrazilLAB

 

O BrazilLAB é um programa do Centro de Liderança Pública (CLP), patrocinado pelo Bank of America Merrill Lynch, E.Bricks e Instituto Betty e Jacob Lafer. Entre os parceiros, conta com instituições como Fundação Brava, Comunitas, Endeavor, Start-Up Chile e Microsoft.

 

A inspiração para o programa de aceleração do BrazilLAB veio de iniciativas internacionais, como o Solve/MIT e o Mayors Challenge/Bloomberg Philanthropies. Esses programas estimulam a inovação, o intercâmbio e o diálogo entre acadêmicos, setor privado, empresários e setor público, visando à promoção de um espaço eficiente que permita o envolvimento da sociedade na busca de soluções.

 

O objetivo é estimular no Brasil uma cultura voltada para inovação na área pública. A iniciativa dá apoio a empreendedores engajados em soluções para os desafios mais complexos vividos pela sociedade atualmente.


No palco, secretário de Planejamento,  André Reis faz suas considerações sobre o evento
No palco, secretário de Planejamento, André Reis faz suas considerações sobre o evento
No palco do auditório do Centro de Referência da Juventude, quatro painelistas expõe suas ideias e experiências,  sob a mediação da coordenadora do BrazilLAB em Minas Gerais, Emília Paiva
No palco do auditório do Centro de Referência da Juventude, quatro painelistas expõe suas ideias e experiências, sob a mediação da coordenadora do BrazilLAB em Minas Gerais, Emília Paiva

Últimas Notícias

Mineirão terá operação especial de trânsito para eventos nos dias 14 e 15 Mineirão terá operação especial de trânsito para eventos nos dias 14 e 15

O público estimado pelos organizadores é de 10 mil pessoas para o Festival Universo 15 mil para o show de Milton Nascimento.

13/12/2019 | 15:07
Duas crianças brincam em um brinquedo inflável Presença de Papai Noel e oficina de percussão são atrações do BH é da Gente

O BH é da Gente é realizado aos domingos em quatro regiões da capital, com atividades diversas para a criançada.

12/12/2019 | 18:01