Pular para o conteúdo principal

Placa de prêmio com os dizeres: "7º Febrat - 3º lugar".
Foto: Divulgação PBH

Escolas municipais têm trabalhos premiados em feira brasileira de colégios

30/10/2019 | 21:18 | atualizado em 01/11/2019 | 12:27

As escolas municipais Professora Alice Nacif e Francisca de Paula foram premiadas durante a VII Feira Brasileira de Colégios de Aplicação e Escolas Técnicas (Febrat) realizada na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), nos dias 22 e 23 de outubro. A feira científica promoveu a divulgação dos trabalhos desenvolvidos por estudantes da Educação Básica e da Educação Profissional e Tecnológica, sob a orientação de professores de diferentes áreas de conhecimento. O tema da edição de 2019 foi “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”.

 

A Escola Municipal Professora Alice Nacif ficou com o primeiro lugar na categoria B, com estudantes do 6º ao 9º ano, com o trabalho “Água: captação, tratamento e distribuição na Comunidade do Dandara”. O trabalho foi desenvolvido com alunos do Projeto de Aceleração de Estudos Geração Ativa, que promove aceleração dos estudos de alunos que possuem duas ou mais retenções.

 

De acordo com a professora Carla Augusta Silva Pereira, durante o trabalho os estudantes, formados na sua maior parte por moradores da Comunidade Dandara, foram levados a refletir sobre os motivos da conta de água ter uma tarifa tão elevada. Eles conheceram todo o sistema de captação e tratamento da água, além de entender como o processo de urbanização do local, com a consequente vinda dos impostos, promoveu uma mudança no perfil dos moradores da comunidade, formados na sua maior parte por novos residentes. “O projeto proporcionou aos alunos um entendimento da realidade social em que vivem e esse conhecimento provocou uma nítida mudança neles. Agora eles têm mais interesse e muitos mostraram um desejo de continuar estudando”, contou a professora. 

 

Já a Escola Municipal Francisca de Paula ficou com o terceiro lugar na categoria A, formada por alunos do 1º ao 5º ano. A escola levou para a feira o projeto “A Geometria das Abelhas: o segredo dos hexágonos e a dança das abelhas”, que tem como objetivo a preservação desses insetos sociais que possuem a função de realizar a polinização, tão necessária para a continuidade da vida humana. Segundo a professora Cynthia Maria Barbosa Melo Alves, as crianças ficaram entusiasmadas com o trabalho. “Inicialmente elas tiveram medo, mas hoje possuem uma relação de respeito e consciência da relevância das abelhas para a nossa sobrevivência. Dá muito orgulho ver o desenvolvimento das crianças e o cuidado que elas adquiriram com os animais”, afirmou.

 

Os trabalhos apresentados na VII Febrat foram indicados por uma comissão da Rede Municipal de Educação, após serem apresentados durante a Mostra de Investigação Científica Escolar (Mice), realizada em setembro no Parque Municipal durante a Semana da Educação.

 

 

Uma nova categoria

Apesar de não haver a categoria de Educação Infantil, a turma de Educação Infantil da Escola Municipal de Educação Infantil Carlos Prates, da região Noroeste, apresentou um trabalho sobre o descarte consciente. Os alunos produziram um painel com materiais que iriam para o lixo. De acordo com Ronaldo Guimarães Costa, da Gerência dos Anos Finais do Ensino Fundamental, da Secretaria Municipal de Educação, a participação da Escola Municipal de Educação Infantil Carlos Prates na VII Febrat foi muito significativa. “Apesar de não ter a categoria, fizemos a indicação da Escola Carlos Prates para participar. O sucesso foi tanto que as crianças foram homenageadas e foi anunciado que haverá na próxima edição essa categoria. É um espaço importante para a Educação Infantil”, afirmou. 


Últimas Notícias

Mais de onze pessoas assistem a palestra com onse pessoas no palco e telões, em uma sala. Secretaria de Planejamento participa de Seminário Cidades Inteligentes

Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão apresentou sua experiência no monitoramento dos indicadores da da agenda dos ODS.

13/11/2019 | 17:30
Mapa da operação de trânsito Operação especial na Rodoviária em função do feriado de 15/11

A BHTrans realiza, de 13 a 18/11, intervenções operacionais no trânsito na região da Rodoviária organizar e garantir a fluidez de veículos.

12/11/2019 | 16:06