Pular para o conteúdo principal

Pessoas no Carnaval de rua, na Praça Sete
Foto: Élcio Paraíso

Carnaval de Belo Horizonte 2020 terá mais de 500 desfiles de Blocos de Rua

14/01/2020 | 15:13 | atualizado em 14/01/2020 | 16:10

Um Carnaval plural, seguro, aberto e econômico. Assim é a folia em Belo Horizonte, que no ano passado recebeu 4,3 milhões de foliões entre moradores e visitantes, e se consolida como uma das melhores do país. Em 2020, 453 blocos de rua vão desfilar pela cidade, sendo 133 deles estreantes. Entre 8 de fevereiro e 1º de março estão previstos cerca de 520 cortejos, de acordo com o cadastramento realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur.  

 

Viabilizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, o Carnaval da capital é totalmente custeado pela Skol e iFood, patrocinadores do evento. O valor é de R$ 6 milhões em verba direta e R$ 8,3 milhões em planilhas de estruturas e serviços, captado por meio de Edital de Patrocínio. A contratação de músicos, subvenção de blocos e escolas de samba, a estrutura dos palcos e todo o orçamento da Belotur são financiados pela iniciativa privada.

 

Seja nas apresentações de escolas de samba e blocos caricatos, nos palcos, ou nos tradicionais blocos de rua, o evento tem programação para todos os tipos de público. Tanto que superou ou atendeu plenamente as expectativas de 79,6% dos visitantes e 80,2% dos moradores em sua última edição, conforme a pesquisa do Carnaval 2019, realizada pelo Observatório do Turismo. “O Carnaval de Belo Horizonte é de todo mundo. E queremos que cada vez mais pessoas venham para a cidade aproveitar uma festa organizada e segura. Nosso objetivo é que a folia se consolide como uma das melhores do país”, afirma Gilberto Castro, presidente da Belotur. 

 

Um dos principais indicadores de qualidade da folia foi em relação à segurança. A nota dada pelos moradores para esse quesito foi 7,4, enquanto visitantes classificaram com um 8, na escala que vai de 1 a 10. Entre os motivos está o horário de concentração, saída e dispersão dos blocos. Dos 520 desfiles do pré ao pós Carnaval de 2020, pelo menos 43% deles têm encerramento marcado para 18h, acontecendo totalmente à luz do dia. 

               

Além disso, a recepção dos mineiros é uma atração à parte e, entre os destinos mais famosos no Brasil, o Carnaval de Belo Horizonte é um dos mais acessíveis. Não há dificuldade em encontrar onde comer e beber com qualidade e por um preço justo, e a estrutura hoteleira é bem equipada.

 

Sendo assim, a capital mineira é uma boa opção para quem quer viajar sem gastar muito. O investimento médio dos turistas em cinco dias de evento  em 2019 foi de R$ 718,32. A avaliação em relação aos preços praticados na cidade, inclusive, foi 6,8 e 7, na opinião de residentes e turistas, respectivamente. 

 

Também não se gasta muito com deslocamento pelo município. Por aqui, além de ser possível ir a pé de um bloco ao outro, o transporte público tem a rota alterada para a festa, minimizando os impactos no trânsito por conta de cortejos. Outra opção é o Foliônibus, que transita gratuitamente pela avenida do Contorno em vários horários.           
 

No geral, a avaliação do Carnaval belorizontino foi de 8,5 para os moradores e 8,8 na opinião de visitantes, o que mostra que a folia cativou os foliões. Entre os turistas vindos de outras cidades, estados e países e que já tinham participado da festa na capital mineira em edições anteriores, 68,4% afirmaram que o evento melhorou e mais de 88,4% tinham a intenção de retornar em 2020.
 

 

 Carnaval de Belo Horizonte 2020

O Carnaval de Belo Horizonte 2020 é viabilizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, com patrocínio master da Skol e do iFood. O valor é de R$ 6 milhões em verba direta e R$ 8,3 milhões em planilhas de estruturas e serviços, captado por meio de Edital de Patrocínio.

 

Vale ressaltar que a contratação de músicos, subvenção de blocos e escolas de samba e toda a estrutura dos palcos espalhados pelas regionais da cidade durante o evento, assim como todo o orçamento da Belotur, é proveniente de investimento privado.

 

 

14/01/2020. Carnaval de BH 2019. Fotos: Arquivo/Belotur


Últimas Notícias

Agentes da Defesa Civil em atendimento na Vila Biquinhas Prefeitura atende 474 chamados em razão das chuvas nas últimas 36 horas

Assim como no dia anterior, moradores do Barreiro foram os que mais acionaram a Defesa Civil, totalizando 53 chamados nesta sexta-feira.

24/01/2020 | 19:10
Ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, o procurador-geral de Justiça Antônio Sérgio Tonet e o prefeito Alexandre Kalil Ministra Cármen Lúcia visita gabinete do prefeito no COP

O encontro foi realizado no Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH), para onde o prefeito transferiu seu gabinete.

24/01/2020 | 14:23