Pular para o conteúdo principal

Campanha para o aleitamento materno ganha reforço em BH

22/06/2017 | 18:48 | atualizado em 03/07/2017 | 08:02

O Hospital Sofia Feldman inaugurou, nesta quinta-feira, dia 22, o Banco de Leite Humano e anunciou o credenciamento, pelo Ministério da Saúde, da Sala de Apoio à Amamentação para a Mulher Trabalhadora que Amamenta. A partir de agora, todo leite doado ao Hospital será pasteurizado na própria instituição. Até então, por meio de parceria, o leite era enviado à Maternidade Odete Valadares, que retornava apenas 50%.
 

O prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil e a primeira dama Ana Laender participaram da cerimônia que também contou com a presença da representante da Aliança Mundial para Ação de Aleitamento Materno (WABA) no Brasil, Regina da Silva, da coordenadora do Banco de Leite Humano da Maternidade Odete Valadares, Maria Hercília de Castro Barbosa, e do diretor técnico e administrativo do Hospital Sofia Feldman, Dr. Ivo Lopes, além de representantes do Ministério da Saúde. 
 

O prefeito destacou a relevância do trabalho desenvolvido pela instituição. “O que está sendo feito aqui hoje é uma grande obra. Se houvesse nesse país o entendimento de que essa é uma grande obra, nós viveríamos em um lugar melhor. É nossa obrigação cuidar dos hospitais. Agradeço a todos que ajudaram o Sofia com doações para a realização desta que talvez seja a obra mais importante desses seis meses de gestão do meu governo”, analisou.
 

O presidente da Fundação de Assistência Integral à Saúde do Hospital Sofia Feldman, José Moreira Sobrinho, agradeceu a parceria da Prefeitura de Belo Horizonte. “Os últimos meses passamos por momentos muito difíceis e o repasse efetuado pelo prefeito Kalil nos trouxe tranquilidade. Hoje, o Kalil e a Ana estão aqui nos ajudando mais uma vez a melhorar a qualidade do serviço ofertado pelo Sofia”, afirmou.

 

22/06/2017. Prefeito Alexandre Kalil inaugura banco de leite humano do Hospital Sofia Feldman. Fotos: Rodrigo Clemente/PBH

 

Banco de Leite Humano 

O leite humano ajuda a salvar vidas de bebês prematuros internados em Unidades Neonatais, por ser o melhor alimento na recuperação da saúde e trazer benefícios que perduram por toda a vida. A Unidade Neonatal do Hospital Sofia Feldman é a maior de Minas Gerais, com 250 internações mensais, de bebês de mais de 300 municípios do Estado.
 

O Banco de Leite Humano receberá doações das mães que estão amamentando seus filhos, fará a pasteurização do leite, além de oferecer apoio, incentivo e orientação à mulher que tenha alguma dificuldade durante o aleitamento materno, por exemplo, na ocorrência de mastite e outros problemas nos seios.

 

Sala de Apoio à Amamentação

As trabalhadoras do Hospital Sofia Feldman podem amamentar seus filhos sob livre demanda na Creche José de Souza Sobrinho e fazer uso da Sala de Apoio para a coleta, orientação e promoção ao aleitamento. A creche José de Souza Sobrinho, fundada em dezembro de 2001, oferece cuidados aos filhos e filhas de servidoras e servidores de até cinco anos de idade.


Na solenidade de hoje, as alunas da creche apresentaram um número artístico de dança que emocionou os presentes.