Pular para o conteúdo principal

Atletas em uma quadra, sentados em meia lua olham para o técnico
Foto: Adão Souza/PBH

BH em Pauta: Em busca do ouro

07/06/2017 | 18:13 | atualizado em 21/06/2017 | 14:14

Conquistar o título do torneio de futsal dos Jogos Escolares de Belo Horizonte (JEBH) é o objetivo dos alunos da Escola Municipal Presidente Itamar Franco (EMPIF), que treinam desde março passado, às segundas, terças e quartas-feiras, na quadra poliesportiva do Polo de Educação Integrada do bairro Flávio Marques Lisboa, no Barreiro. 

Érick Vinícius Alves dos Santos, de 12 anos, é aluno do 6º ano da EMPIF e um dos que se mostraram mais empenhados durante os treinamentos. Com pouca idade, mas a experiência de já ter sido jogador de campo do América Mineiro, na categoria Sub-11, o estudante diz que não tem preferência na hora de escolher entre a grama e a quadra. “A gente treina três dias por semana, sempre à tarde. Na sala de aula, eu gosto mais de Matemática, mas quero mesmo é que a nossa escola possa jogar e ser campeã”, vislumbra o estudante.

Instituídos por uma lei municipal de 2011, os JEBH, realizados pela primeira vez pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio do trabalho das secretarias municipais de Esporte e Lazer (SMEL) e de Educação (SMED), começaram no último dia 5 e terminam no dia 24 de junho. Até o ano passado, os jogos eram organizados pela Federação de Esportes Estudantis de Minas Gerais (FEEMG).


A diretora Hélia Márcia Maciel Reis Lopes lembra os benefícios da participação dos estudantes da escola municipal. “Teremos três equipes nos Jogos, que promovem a autoestima dos estudantes e estimulam o surgimento de talentos nas modalidades esportivas”, destaca.

A técnica do time de futsal da EMPIF, Tábata Vieira, e o irmão, Netto Vieira, que faz a função de assistente-técnico, concordam com a diretora Hélia Lopes. “O esporte é bom porque auxilia os alunos na hora de aprender o que foi ensinado na sala de aula. Além de fortalecer a união entre eles e fazer com que cada um fortaleça o senso de coletividade”, afirma o assistente-técnico.

 

Classificatória

Conforme o regulamento das competições, as escolas vencedoras dos Jogos Escolares de Belo Horizonte (JEBH) estarão automaticamente classificadas para a seletiva que será realizada pelas secretarias estaduais de Esporte e de Educação.

Após a seletiva estadual, as escolas estarão aptas a representarem Belo Horizonte nos Jogos Escolares da Juventude, organizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e o Ministério do Esporte.

07/06/2017. Jogos Escolares de BH-Barreiro. Fotos: Adão de Souza/PBH