Pular para o conteúdo principal

Corrida PCD em 2019 - BH é da Gente
Foto: Divulgação PBH

BH é da Gente: três anos de lazer e cidadania

16/03/2020 | 11:07 | atualizado em 16/03/2020 | 11:07

O BH é da Gente vai completar três anos de implantação na próxima quinta-feira, dia 19 de março. Temos números e motivos para celebrar esta data, o que faremos no domingo, dia 22, com uma programação especial que vai ofertar atrações de lazer, atividades físicas e culturais para a população.

 

Desenvolvido e realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, o BH é da Gente é um programa recreativo em espaço urbano realizado aos domingos, com o objetivo de estimular a ocupação do espaço público com qualidade pela população, assim como a convivência e a cidadania.

 

Para tanto, o programa proporciona ao público atividades de lazer, físicas e esportivas ao ar livre, bem como ações de saúde, culturais e de assistência social – o que denota um trabalho intersetorial da prefeitura.

 

Implantado inicialmente na Savassi (região Centro-Sul) em 19 de março de 2017, o BH é da Gente foi ampliado para outras áreas após estudos de demanda e viabilidade: avenida Silva Lobo (Oeste), avenida Guarapari (Pampulha) e rua Araribá, na Pedreira Prado Lopes (Noroeste).

 

Mais de 120 mil pessoas já usufruíram do BH é da Gente nesses três anos em 118 edições na Savassi, 70 na Silva Lobo, 48 na Guarapari e 35 na Araribá. A média global é de mil frequentadores a cada edição, aproximadamente.

 

É relevante ressaltar que políticas públicas semelhantes ao BH é da Gente, de fomento ao lazer e à apropriação do espaço público pelos munícipes, são praticadas em importantes metrópoles do mundo, como Paris, Nova York, São Francisco e Bogotá. 

 

Assim como o esporte e a cultura, o lazer é um dos direitos sociais considerados como elementos fundantes da cidadania pela Constituição Federal de 1988, até porque é essencial para a formação cidadã e integração social de crianças e jovens em idade escolar.

 

Assim, em consonância com a Carta Magna e o compromisso da Prefeitura de governar para quem precisa, entendemos que a adoção de políticas públicas para o lazer é capaz de atenuar as diferenças sociais, de melhorar a qualidade de vida dos indivíduos e de promover o desenvolvimento da sociedade.

 

O nome do programa, por final, vale uma menção à parte, visto que resume bem o propósito do próprio, que é gerar pertencimento aos cidadãos e humanizar a cidade.

 

Quanto aos três anos do BH é da Gente, o parabéns vai para a população, posto que o público é a razão de ser da criação e existência do programa. Afinal, são todos os cidadãos, sem qualquer distinção, que fazem a cidade.

 

Por Elberto Furtado Júnior - Secretário Municipal de esportes e Lazer 


Últimas Notícias

Informativo sobre o Cornavírus em Belo Horizonte Prefeitura amplia serviços de acolhimento à população em situação de rua

Foram anunciadas uma série de novas medidas de atenção e proteção à população em situação de rua.

27/03/2020 | 13:29
Informativo sobre o Cornavírus em Belo Horizonte Vacinação na Araujo será por distribuição de senhas nas drogarias

A marcação, que estava sendo feita por meio do site da Araujo, foi alterada devido à alta procura.

26/03/2020 | 18:00