Pular para o conteúdo principal

alunos do Telecentro acessando a internet gratuitamente e outros aprendendo a utilizar com a ajuda de um monitor.

Trabalho nos Telecentros será tema de debate na Espanha no mês que vem

22/02/2019 | 20:00 | atualizado em 22/02/2019 | 20:04

O Programa de Telecentros, desenvolvido pela Prefeitura, por meio da Prodabel, virou tese de doutorado e será apresentado na 13ª Conferência Internacional de Tecnologia, Educação e Desenvolvimento (Inted), em Valência (Espanha), no próximo mês. O trabalho da Diretoria de Inclusão Digital despertou o interesse do doutorando em Ciências e Tecnologias de Informação do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) Samir Haddad e é o artigo dele que será debatido durante a conferência.


Com o artigo “Telecenters in Brazil: the need for survival despite of the evolution of cell phones” (livre tradução: Telecentros no Brasil: a necessidade de sobrevivência apesar da evolução dos celulares), Samir ressalta a importância dos Telecentros para as comunidades de baixa renda, mesmo com a expansão do uso dos telefones celulares nas classes sociais menos favorecidas. Para ele, os Telecentros exercem uma ‘cidadania digital’.


Belo Horizonte conta com 302 Telecentros distribuídos por toda cidade. Espaços públicos e gratuitos de inclusão, eles são equipados com computadores conectados à Internet e podem ser utilizados para acessar diversos serviços, como e-mails, redes sociais, emitir de segunda via de contas e até imprimir currículos. Além disso, no local são desenvolvidos cursos para pessoas de todas as idades.
 

"A política pública social dos Telecentros comunitários representa para a grande maioria (75% de seus usuários) a única forma gratuita de acesso aos computadores e à internet. Os Telecentros também oferecem gratuitamente cursos de capacitação às tecnologias de informação e comunicação”, afirmou Samir, que é funcionário de carreira da Prodabel e atualmente ocupa o cargo de assessor da Diretoria de Atendimento ao Usuário. 


Segundo ele, os estudos demonstraram que os locais possuem ainda outro papel importante: possibilitam, em muitos casos, segurança física e emocional, busca de trabalho e educação, lazer, comunicação, mas principalmente, uma inserção social para as pessoas. 


Conferência


A Inted, realizada entre os dias 11 e 13 de março, é hoje um dos maiores eventos internacionais de educação para professores, pesquisadores, tecnólogos e profissionais do setor educacional. Mais de 700 especialistas de 80 países são esperados para apresentar projetos e compartilhar conhecimentos sobre metodologias e inovações em tecnologia educacional.