Pular para o conteúdo principal

Imagem da Praça 7
Foto: Adão de Souza

Seminário Cidades e Destinos Turísticos Inteligentes debate tecnologia

02/12/2020 | 18:01 | atualizado em 07/12/2020 | 16:25

A terceira edição do Seminário Internacional Cidades e Destinos Turísticos Inteligentes, realizado pela Belotur em parceria com o Sebrae-MG, acontecerá entre 9 e 11 de dezembro e, pela primeira vez, em formato on-line, devido à segurança sanitária necessária frente à pandemia da Covid-19. A iniciativa, que faz parte do Programa de Pesquisa e Inovação Turística (fuTURISMO) da Belotur, é um convite ao debate de políticas públicas e iniciativas de mercado voltadas para o tema.

Nomes internacionalmente conhecidos compõem a grade da programação (confira detalhes abaixo) e todas as palestras possuem tradução simultânea para o português, francês e espanhol. Interessados podem se inscrever gratuitamente por este link.

“O nosso objetivo é explorar as melhores estratégias e ferramentas do turismo inteligente aplicadas no mundo e trazer a reflexão para a realidade da nossa capital. Ou seja, usar tecnologia para melhorar a infraestrutura da cidade, tornando o centro urbano mais eficiente e melhor para se viver”, comenta Gilberto Castro, presidente da Belotur.

 

Sobre o seminário

Em 2018, a Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, realizou pela primeira vez o Seminário Internacional Cidades e Destinos Turísticos Inteligentes, que aconteceu durante os dias 20 e 21 de setembro na sede da PBH. Em 2019 foi realizada a segunda edição, entre os dias 19 e 20 de setembro, no mesmo local.

 

Programação

9 de dezembro (quarta-feira)
Cidades inteligentes e duráveis em um mundo pós-pandemia: Sobre a Cidade e o tempo

  • 9h30: Boas-vindas com Gilberto Castro, presidente da Belotur.
  • 10h: “Viver perto, em tempos de mudanças climáticas e Covid-19”
  • Palestrante: Carlos Moreno (França), professor na Universidade de Paris IAE-Panthéon Sorbonne e Assessor Especial da Prefeita de Paris, Anne Hidalgo. Moreno é especialista em Cidades e Territórios do Amanhã, além de Controle Inteligente de Sistemas Complexos.
  • 10h30: “Cronourbanismo, cidades maleáveis e inteligentes”
  • Palestrante: Luc Gwiazdzinski (França), professor da Escola Nacional Superior de Arquitetura de Toulouse e do Instituto de Altos Estudos em Planejamento e Desenvolvimento do Território Europeu de Paris. 
  • 11h: Conversa sobre “Inovação, urbanismo e novas temporalidades”
  • Participação: Carlos Moreno (França) e Luc Gwiazdzinski (França)
  • Mediação: Izabel Dias de Oliveira Melo, da Secretaria de Políticas Urbanas da Prefeitura de Belo Horizonte (Brasil).
     

Biografia dos convidados

Carlos Moreno (França): Professor associado da Universidade de Paris IAE-Panthéon Sorbonne, na França, e cofundador e diretor científico da cátedra ETI "Empreendedorismo-Território-Inovação". Consultor especial sobre cidades inteligentes da Prefeitura de Paris. Autor dos livros “Cidade de 15 minutos” e “Território de 30 minutos”, lançados em 2016.

Luc Gwiazdzinski (França): Geógrafo e professor na Escola Nacional Superior de Arquitetura de Toulouse e no Instituto de Altos Estudos em Planejamento e Desenvolvimento do Território Europeu de Paris. Seus trabalhos abordam a cidade, as temporalidades, as mobilidades, os ritmos e a inovação. Publicou diversas obras dentre as quais se destacam: “Night studies e Saturations”, em 2020, “Chronotopies”, em 2017 e “La nuit dernière frontières de la vill”, em 2005.



10 de dezembro (quinta-feira)
Destinos e sistemas de inteligência turística

  • 9h30: “A importância dos dados e inovação para melhoria da gestão turística”
  • Palestrante: Enrique Martinez Marín (Espanha), Presidente da Segittur (Sociedad Mercantil Estatal para la Gestión de la Innovación y las Tecnologías Turísticas) .
  • 10h: Conversa sobre “Destinos Inteligentes na América do Sul”
  • Participação: Enrique Martinez (Segittur/Espanha), Gonzalo La Rosa (Rede Argentina de Destinos Inteligentes) e Claudio Quintana (Universidade da República do Uruguai)
  • Mediação: Bárbara Blaudt, do Ministério do Turismo (Brasil).
  • 11h: Conversa sobre “Destinos turísticos inteligentes e patrimônio histórico: as experiências espanholas”
  • Participação: César Sánchez Meléndez (Conselheiro de Promoção Empresarial e Emprego, Inovação e Novas Tecnologias, Câmara Municipal de Cuenca, Espanha), Miguel Ángel Valero Tévar (Professor da Universidade de Castilla-la Mancha) e Francisco Rueda Sagaseta (Conselheiro de Turismo, Promoção Econômica e de Emprego de Toledo, Espanha)
  • Mediação: Saulo Ribeiro dos Santos, professor da Universidade Federal do Maranhão e Doutor em Gestão Urbana (Brasil).
     

Biografia dos convidados

Enrique Martinez Marín (Espanha): Presidente da Sociedade Mercantil Estatal para a Gestão da Inovação e das Tecnologias Turísticas (SEGITTUR), que é vinculada ao Ministério da Indústria, Comércio e Turismo da Espanha. Licenciado em Ciência Política e Sociologia, especialista em Avaliação de Políticas e Qualidade de Serviços, Mestre em Gestão Pública pela Universidade Complutense de Madrid (UCM) e também Mestre em Liderança e Gestão Pública pela Universidade Internacional Menéndez Pelayo (UIMP-INAP).

Gonzalo Alfredo La Rosa (Argentina): Diretor-executivo do Instituto Cidades do Futuro, FIWARE iHub da Argentina, é também Secretário Técnico Administrativo da Rede Argentina de Destinos Turísticos Inteligentes e da Comissão de Cidades e Comunidades Sustentáveis do Instituto Argentino de Normalização e Certificação (IRAM). Membro do Conselho Consultivo da Rede de Cidades Inteligentes da Argentina, atua também como professor universitário na Universidade Austral, UCA Salta e Universidade Nacional de La Plata.

Claudio Quintana (Uruguai): Professor e pesquisador em Política de Turismo e Evolução de Destinos Turísticos na Universidade da República do Uruguai. Profissional com ampla formação e 20 anos de experiência em planejamento e gestão pública do turismo e desenvolvimento local. Claudio é doutorando em Turismo pela Universidade de Rovira i Virgili (Espanha), é mestre em Economia e em Turismo Sustentável (UdelaR) e bacharel em Turismo (UdelaR).

Bárbara Blaudt Rangel (Brasil): Mestre em Turismo e Gestão Hoteleira pela Escola Superior de Marketing e Administração (ESMA - Barcelona) e pós-graduada em Inovação do Turismo pela FGV-Rio. Atua no Turismo há 18 anos e atualmente ocupa o cargo de Coordenadora de Destinos Inteligentes e Criativos da Coordenação-Geral de Produtos Turísticos do Ministério do Turismo.

César Sanchez Meléndez (Espanha): Conselheiro de Promoção Empresarial e Emprego, Inovação e Novas Tecnologias da Câmara Municipal de Cuenca, na Espanha. Formado em Engenharia da Telecomunicação pela Universidade Politécnica de Madrid, é doutor em Engenharia Eletrônica pela Universidade Politécnica de Valencia.

Miguel Ángel Valero Tévar: Graduado em Geografia e História, especializado em Arqueologia pela Universidade de Valência e Doutor Internacional na Universidade de Castilla-La Mancha, Miguel Ángel Valero Tévar tem uma longa carreira docente e atualmente é professor da UCLM. Participou de vários projetos de I+D+i e suas pesquisas resultaram em mais de cem publicações. Destaque para a direção de múltiplas escavações arqueológicas como a necrópole ibérica de Iniesta, a cidade romana de Ercávica, a vila romana de Noheda e o sítio arqueológico de La Cava.

Francisco Rueda Sagaseta (Espanha): Doutor em Ciências pela Universidade Autônoma de Madrid, é diplomado em Engenharia Ambiental pela Escola de Organização Industrial.  Desde 2019 atua como Conselheiro de Turismo, Promoção Econômica e de Emprego de Toledo, na Espanha.

Saulo Ribeiro dos Santos (Brasil): Doutor em Gestão Urbana (Pontifícia Universidade Católica do Paraná) e em Geografia (Universidade Federal do Paraná), é Professor Adjunto do Departamento de Turismo e Hotelaria e Professor Permanente do Programa de Mestrado em Geografia, Natureza e Dinâmica do Espaço, ambos cargos na Universidade Estadual do Maranhão.



11 de dezembro (sexta-feira)

Turismo, Inovação e Gastronomia

  • 9h30: “Inovação e Turismo: o exemplo do Welcome City Lab Paris startups”
  • Palestrante: Laurent Queige, Welcome City Lab de Paris (França).
  • Mediação: Jacqueline Gil, do Amplia Mundo e Pesquisadora do Laboratório de Estudos de Turismo e Sustentabilidade (LETS/UnB) de Brasília (Brasil).
  • 10h15: Conversa sobre “Estratégias para a inovação no turismo gastronômico”
  • Participação: Mildred Hernández, da Transforma Turismo (Chile).
  • Mediação: Marcos Boffa, diretor de Políticas de Turismo e Inovação da Belotur, Prefeitura de Belo Horizonte (Brasil).
  • 11h: Conversa sobre “Desafios e laboratórios de inovação na Gastronomia”
  • Participação: Jose Pelaez, do Programa de Inovação Colaborativa de Mahou San Miguel (Espanha), e Marcus Rocha, do Centro de Inovação Gastronômica de Florianópolis (Brasil)
  • Mediação: Marcos Boffa, diretor de Políticas de Turismo e Inovação da Belotur, Prefeitura de Belo Horizonte (Brasil).
     

Biografia dos convidados

Laurent Queige (França): Profissional de Marketing, Turismo e Inovação. Depois de um MBA em turismo internacional na Montpellier Business School, trabalhou como guia de turismo, agente de viagens,  assessor de imprensa e consultor em marketing e desenvolvimento turístico. Desde 2014 administra o Welcome City Lab, a primeira incubadora de startups traveltech do mundo.

Jacqueline Gil (Brasil): Com mais de 20 anos de experiência profissional, é bacharel em turismo pela Universidade Federal do Paraná, mestre em gestão de Turismo e Marketing Internacional pela Universidade de Alicante (Espanha) e especialista em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília. É pesquisadora do Instituto de Copenhague de Estudos de Futuros e professora colaboradora na Universidade de Brasília.

Mildred Hernández (Chile): Engenheira Agrônoma, com Diploma em Gestão da Qualidade e Mestrado em Gestão Tecnológica e Empreendedorismo, tem 15 anos de experiência em Relações Estratégicas e Gestão de Equipes, Projetos e Organizações. Ela também se especializou na realização de alianças estratégicas que permitem a alavancagem de recursos para aumentar o escopo e o impacto de diferentes tipos de projetos. É também mentora do Programa Start-Up Chile e mentora de empregabilidade.

Jose Pelaez (Espanha): É Especialista em Empreendedorismo e Design de Novos Produtos, Serviços e Modelos de Negócios para o setor gastronômico no Centro Tecnológico de Inovação BCC. Coordenou o processo de conceituação, desenho e implementação do LABe - Digital Gastronomy Lab. É licenciado em Gastronomia pelo Basque Culinary Center - BCC, com foco em Inovação, Negócios e Empreendedorismo.

Marcus Rocha (Brasil): Profissional com 25 anos de experiência no mercado de tecnologia e inovação em projetos nacionais e internacionais, é Superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação na Prefeitura Municipal de Florianópolis. Mestre em Administração de Gestão e Inovação em Organizações (ESAG-UDESC), MBA em Gestão Estratégica da Inovação Tecnológica (SOCIESC) e Bacharel em Ciências da Computação (UNISUL).

Marcos Boffa: Especialista em Políticas Culturais pela Universidade da Bourgogne, durante o programa do Ministério da Cultura da França denominado Formação Internacional de Cultura (1995 - 1996) e em Turismo Gastronômico pelo Basque Culinary Center (2020). Estudou Geografia na Universidade Federal de Minas Gerais em Belo Horizonte e é o atual Diretor de Políticas de Turismo e Inovação da Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur), da Prefeitura de Belo Horizonte.