Pular para o conteúdo principal

Imagem do Raul Belém Machado
Foto: Divulgação PBH

Raul Belém Machado é homenageado na programação do Circuito Municipal de Cultura

11/01/2021 | 17:31 | atualizado em 11/01/2021 | 17:31

O Circuito Municipal de Cultura celebra, no próximo sábado (16), a obra do cenógrafo, arquiteto e figurinista mineiro Raul Belém Machado (1942-2012), em uma edição especial do programa Teatralidades em Cena, iniciativa que celebra a linguagem teatral através do encontro entre artistas referência na área. O Circuito Municipal de Cultura é realizado pela Secretaria Municipal de Cultura (SMC) e Fundação Municipal de Cultura (FMC), em parceria com o Centro de Intercâmbio e Referência Cultural (CIRC).

A exibição acontece às 18h, no YouTube da Fundação Municipal de Cultura, trazendo uma conversa sobre a vida e a obra de Raul Belém Machado. Na abertura do programa, participam Pedro Paulo Cava, contemporâneo de Raul, e Letícia Belém Machado, sobrinha do cenógrafo. Em segundo momento, gravado no Teatro Francisco Nunes, será transmitido um bate-papo sobre os bastidores do teatro, com a presença dos técnicos Helvécio Izabel (mais conhecido como Veveco), Orlan Sabará e Dalva Mattiello, mediado pela atriz e iluminadora Marina Arthuzzi.

Por fim, a atriz Lira Ribas presta uma homenagem a Raul Belém Machado, que foi seu professor, personificando o bloco carnavalesco Corte Devassa em uma performance cênica. Todas as ações do programa foram gravadas seguindo os protocolos vigentes para a prevenção ao contágio pela Covid-19.

 

Sobre o Circuito Municipal de Cultura

Projeto estratégico da Prefeitura de Belo Horizonte, foi lançado em dezembro de 2019, com grande show de Jorge Ben Jor na Praça da Estação. Em maio de 2020, foi lançado o Circuito em Casa, como parte do Circuito Municipal de Cultura, criado para ampliar as opções culturais para a população que está em casa durante a pandemia da Covid-19. Suas ações integram a política de promoção das artes do município.

Até o momento, já foram mais de 150 apresentações realizadas, alcançando um público de aproximadamente 400 mil pessoas. Desde o início do projeto, o Circuito Municipal de Cultura já contou com a participação de quase 800 trabalhadores da cultura, entre artistas, mestres da cultura popular, produtores e técnicos, entre outros, reforçando seu importante papel de fomento ao setor em Belo Horizonte. Toda a programação do Circuito Municipal de Cultura é gratuita, contemplando as diversas linguagens artísticas e faixas etárias.