Pular para o conteúdo principal

Prestação de contas - Saúde

26/04/2017 | 12:37 | atualizado em 28/06/2018 | 14:50

A Prefeitura de Belo Horizonte está cumprindo compromissos e prestando contas à população. Confira as ações realizadas: 

 

- Garantia de acesso integral aos serviços do SUS aos moradores das regiões do Dandara, Rosa Leão e Izidora, com início imediato do cadastramento destes moradores pelos centros de saúde;

 

- Criação do Centro de Saúde Zilah Spósito para ampliar e garantir melhores condições de acesso para aproximadamente 13.000 pessoas;

 

- Criação do Centro de Saúde Santa Mônica II para ampliar e garantir melhores condições de acesso para uma população de 15.000 pessoas;

 

- Entrega de 442 computadores, melhorando as condições de trabalho e de atendimento à população nas unidades de saúde do SUS-BH;

 

- Contratação de 35 agentes de combate ao Aedes aegypti na Regional do Barreiro, região com o maior número de casos de dengue em 2016;

 

- Instalação de 1.500 tampas em caixas d’água descobertas para redução de risco de infestação por Aedes aegypti;

 

- Vacinação de 600 mil pessoas contra febre amarela;

 

- Implantação de horário estendido de vacinação contra a febra amarela, nas regionais Venda Nova, Oeste, Centro Sul e Barreiro, para atender aos que não têm disponibilidade em horário comercial;

 

- Capacitação das equipes de toda a rede de saúde em ações contra a febre amarela e contratação temporária de auxiliares de enfermagem e enfermeiras para a intensificação da vacinação da população contra esta doença;

 

- Instalação de telas com inseticidas em casas nas áreas com notificação de Zika vírus, priorizando aquelas habitadas por gestante;

 

- Colocação de telas com inseticidas nos Hospitais Eduardo de Menezes e João Paulo II, além das Unidades de Pronto Atendimento Venda Nova, Pampulha, Oeste, Leste e Barreiro;

 

- Retomada do Programa de Cirurgias Eletivas com repactuação com os hospitais 100% SUS, com objetivo de reduzir a fila de espera;

 

- Nomeação de 190 profissionais de saúde concursados, sendo 159 médicos, para atuação direta na assistência aos usuários do SUS- BH;

 

- Reativação de 26 leitos com aporte adicional de R$ 1,5 milhão e economia de R$ 1,5 milhão por mês através do certificado de filantropia para o Hospital Risoleta Neves, com oferta de mais 312 internações por mês;

 

- Implantação do Centro de Atendimento de Urgências Dermatológicas na Santa Casa de BH;

 

- Implantação do atendimento integral, complementar e especializado a 160 mulheres por mês em situação de vulnerabilidade social, e outras 160 em situação de alto risco, no ambulatório da UFMG;

 

- Avaliação de todos os 152 Centros de Saúde e das 9 UPAs para identificar as intervenções emergenciais necessárias para a melhoria do atendimento;

 

- Avaliação das 29 Instituições de Longa Permanência de Idosos, identificando necessidades e intervenções emergenciais;

 

- Nomeação de 20 psiquiatras para incremento do serviço prestado nos CERSAMs;

 

- Garantia de continuidade dos serviços nos Hospitais Sofia Feldman e da Baleia, após apoio emergencial da Secretaria Municipal de Saúde; e

 

- Criação de uma Unidade Executiva com equipe dedicada a contribuir para o aumento da eficiência, transparência e qualidade dos hospitais que recebem recurso público do SUS, inclusive Hospital Metropolitano, Odilon Behrens e Risoleta Neves, aumentando o atendimento da população.

Ouça este conteúdo

Últimas Notícias

Fachada da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, durante o dia. PBH seleciona Organização da Sociedade Civil para ações do Circuito de Cultura

Para realizar ações do Circuito Municipal de Cultura, Prefeitura publica edital de seleção de Organização da Sociedade Civil.

16/07/2019 | 20:01
Atlético x Cruzeiro no dia 17/7, às 19h15. Jogo Atlético x Cruzeiro tem operação de transporte no Independência no dia 17/7

A linha especial 9033 começa a operar às 17h, com intervalo de 20 minutos entre as viagens ou de acordo com a demanda de passageiros.

16/07/2019 | 18:36