Pular para o conteúdo principal

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, os secretários municipais de Saúde, Jackson Machado, e de Fazenda, Fuad Noman, e representantes da Maternidade Sofia Feldman, sentados em uma mesa oval, conversando.
Foto: Stênio Lima/PBH

Prefeitura propõe assumir direção do Sofia Feldman

19/02/2018 | 20:24 | atualizado em 06/03/2018 | 17:34

Em reunião na noite desta segunda-feira, dia 19 de fevereiro, o prefeito Alexandre Kalil e os secretários municipais de Saúde, Jackson Machado, e de Fazenda, Fuad Noman, apresentaram aos representantes da Maternidade Sofia Feldman a proposta de transferir ao município de Belo Horizonte a direção administrativa e financeira da instituição, já no princípio de março deste ano.


O secretário municipal de Saúde explica que a proposta apresentada visa a solucionar o problema financeiro da maternidade. “Reconhecemos que o Sofia Feldman é muito importante para a nossa cidade e para Minas Gerais. Mas temos lidado, a cada dois, três meses, com o pedido de socorro que o hospital nos faz. Então essa reunião foi para ofertar à maternidade uma proposta que vai resolver, de uma vez por todas, um problema que já vem se prolongando por tempo demais”, afirmou Jackson Machado.


Segundo o Dr. Ivo Lopes, diretor técnico-administrativo da maternidade, o próximo passo para a transferência da administração do hospital para a Prefeitura de Belo Horizonte é a aprovação da proposta, por parte do colegiado do hospital, em reunião marcada para o dia 27 de fevereiro. “Com esse déficit de, no mínimo, R$ 1,5 milhão ao mês que tem a maternidade, a proposta da Prefeitura é muito bem vinda. O mais importante é que vamos continuar mantendo o atendimento à população”, afirmou.


O Hospital Sofia Feldman assiste a mais de 400 mil pessoas de Belo Horizonte e região metropolitana. Possui 185 leitos sendo 87 obstétricos, 41 em Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal (UTI), 45 em Unidade de Cuidados Intermediários Neonatais (UCI) e 12 de outras clínicas. São realizados cerca de mil partos ao mês.