Pular para o conteúdo principal

Aula on-line
Foto: Divulgação/PBH

Prefeitura firma acordo para curso de práticas antidopagem no esporte

16/03/2021 | 17:56 | atualizado em 16/03/2021 | 18:07

Em uma iniciativa inédita, a Prefeitura de Belo Horizonte firmou um acordo de cooperação técnica com a Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD), Secretaria Nacional vinculada ao Ministério da Cidadania do Governo Federal. O objetivo é capacitar os profissionais do município a realizarem ações educativas antidopagem. Serão aproximadamente 150 servidores de diversas secretarias, incluindo os professores de educação física de escolas públicas, impactados diretamente pela iniciativa. 

 

Alinhados os detalhes técnicos do acordo com a ABCD, a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer fará o. levantamento do público-alvo e do conteúdo de maior interesse, para que os cursos sejam iniciados com base nesta demanda. 

 

A expectativa é de que as aulas virtuais tenham início ainda no mês de abril. Os interessados deverão preencher um cadastro, passarão por controle de frequência e, ao final do curso, receberão um certificado. 

 

O secretário municipal de Esporte e Lazer de Belo Horizonte, Elberto Furtado Júnior, destaca a importância das informações qualificadas sobre a antidopagem para a formação dos profissionais que atuam em programas e projetos que envolvem atividades físicas. 

 

“O esporte forma o cidadão. É algo que você leva para a vida. A dopagem é uma enganação, uma fraude, então com a informação antidopagem formamos cidadãos, porque não são todos que vão chegar a praticar o esporte no alto nível, mas isso serve para formar o caráter e a personalidade das pessoas.” 

 

A secretária nacional da ABCD, Luisa Parente, comemorou a parceria e aponta o objetivo de estender a iniciativa para outras cidades do país. “Quando passamos informação e criamos uma cultura pela ética no esporte desde a infância e por meio dos educadores, que são referências para nossas crianças e jovens, estamos consolidando uma base para que as próximas gerações sejam cada vez mais comprometidas com uma conduta dentro das regras. Por isso, queremos ampliar essa iniciativa para todos os cantos do Brasil”, projeta.