Pular para o conteúdo principal

Prefeito Alexandre Kalil e superintendente da Sudecap, Henrique Castilho, visitam obras da Vilarinho
Foto: Amira Hissa

Prefeito visita obras da terceira etapa de intervenções na Vilarinho

criado em 25/02/2022 - atualizado em 02/03/2022 | 16:49

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, visitou na tarde desta sexta-feira, dia 25, as obras da terceira etapa das intervenções na avenida Vilarinho, em Venda Nova.  Os serviços são para otimização do sistema de macrodrenagem dos córregos Vilarinho, Nado e Ribeirão Isidoro para a implantação de dois reservatórios profundos – Vilarinho 2 e Nado 1 – e mitigação das inundações recorrentes na Vilarinho e rua Dr. Álvaro Camargos. 

Durante visita, o superintendente da Sudecap, Henrique Castilho, explicou ao prefeito o andamento dos trabalhos e como as medidas impactarão positivamente na resolução dos problemas de inundação na região. O prefeito comemorou as etapas da obra e a capacidade de retenção do excesso de água que escoa durante as fortes chuvas.  Ele lembrou que cada uma das três etapas será capaz de amortizar o excesso de água que chegaria ao leito do córrego Vilarinho e do Ribeirão Isidoro. “Então, quando eu disse, no início do meu mandato, que a Vilarinho era responsabilidade do prefeito, a obra está aí”, afirmou o prefeito. 

Os dois reservatórios subterrâneos têm capacidade de armazenamento de aproximadamente 115 milhões de litros d’água cada um, incluindo a laje de cobertura. O investimento previsto é de R$ 124,6 milhões, com recursos financiados pela Caixa Econômica Federal. A previsão de término da obra é até abril de 2024. 

Alexandre Kalil disse ainda que um dos seus compromissos como prefeito da cidade era resolver o problema das enchentes na região, uma das mais importantes de Venda Nova, que castiga a população que mora, trabalha e passa pelo local. “Nós queremos tirar essa região tão importante e tão legal, que é Venda Nova,  do mapa da página policial, das tragédias, que ela fez parte durante os últimos 40 anos da história de Belo Horizonte. E, se Deus quiser, depois dessas grandes obras isso aí vai acabar”, enfatizou. 

O prefeito ainda adiantou que deve apresentar à Câmara Municipal de Belo Horizonte um novo projeto para angariar recursos junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para viabilizar obras nas bacias de outros córregos.
 

 

Assista aqui a entrevista do prefeito Alexandre Kalil