Pular para o conteúdo principal

Prefeito Alexandre Kalil visita creche na Vila Sumaré
Foto: Amira Hissa/PBH

Prefeito Alexandre Kalil visita obra do OP entregue à população na Vila Sumaré

10/08/2019 | 14:38 | atualizado em 10/08/2019 | 14:42

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), por meio da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura e da Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), entregou à comunidade da Vila Sumaré, na regional Noroeste, obras escolhidas pelos moradores no Orçamento Participativo.

 

Na manhã deste sábado, dia 10, o prefeito Alexandre Kalil, acompanhado da primeira-dama Ana Laender, do vice-prefeito Paulo Lamac e do secretário municipal de Obras e Infraestrutura, Josué Valadão, visitou as intervenções feitas pela PBH na Vila Sumaré.

 

No início de 2017, havia cerca de 450 obras previstas no Orçamento Participativo, mas que se encontravam paradas ou não inicializadas em diversas regiões de Belo Horizonte. A partir do primeiro semestre de 2017 até agora, a administração municipal retomou mais de 300 desses projetos escolhidos pela população.  

 

As intervenções na Vila Sumaré foram inseridas no Orçamento Participativo em 2009 e tiveram início em julho de 2018. O empreendimento, que foi entregue aos moradores em junho deste ano, incluiu a urbanização e o alargamento do trecho que liga as ruas Ipanema, Granito e Açucena, além da construção de um muro de contenção e escadas nas proximidades da rua Reis de Abreu. O projeto teve como objetivo melhorar o sistema de circulação na Vila Sumaré, criando maior acessibilidade e facilitando o tráfego de veículos e pedestres.

 

Além da urbanização de becos e ruas, que incluiu 675 m² de asfalto, e da melhoria dos acessos dentro da vila, a obra trouxe outras conquistas importantes para os moradores, como a instalação de sistema de drenagem, com 68 metros de rede tubular, e a implantação de 153 metros de rede de esgoto.  Também foram construídos uma rotatória, passeios, escadaria, banco e canteiro com plantio de grama, árvores e  arbustos.

 

Nas proximidades da Rua Reis de Abreu, foram construídos muros de arrimo e de gabião, proteção da encosta em concreto, canaleta de drenagem, escadas e passeios, revegetação e adequação da rede de esgoto. Essas intervenções tiveram o custo de R$ 625,1 mil.

 

Creche

 

Além das intervenções feitas pela PBH, o prefeito Alexandre Kalil também visitou a Creche Comunitária da Vila Sumaré, hoje denominada Centro Infantil Sumaré.

 

“Com o apoio e o investimento da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio de um convênio com a Secretaria Municipal de Educação, a creche passou de um espaço que comportava apenas 15 crianças com uma infra-instrutura precária para um espaço que hoje oferece atendimento a 180 crianças, com idades entre 0 e 5 anos”, destacou o  prefeito.

 

Mensalmente, a creche recebe R$ 104,3 mil da PBH, por meio do convênio, o que corresponde, no mesmo período, a 70% do custo da instituição, que possui 27 funcionários.

 

Além dos recursos, a Prefeitura fornece alimentação integral (cinco refeições ao dia: café da manhã, colação, almoço, lanche da tarde e prato único), kit uniforme, kit escolar e acompanhamentos pedagógico e nutricional aos 180 alunos da creche.


Últimas Notícias

Em uma ponta da quadra preparada para o jogo de vôlei sentado, Gabriel posa para foto. Atleta do Superar é convocado para a Seleção Brasileira de voleibol sentado

Gabriel Franklin Silva Amaral foi convocado a participar da 6ª Semana de Treinamento da Seleção Brasileira masculina de voleibol sentado.

14/10/2019 | 20:12
Homem, de pé, toda violão, acompanhado de mais de trinta pessoas idosas, tocando instrumentos musicais, sentadas, e outras vinte em pé, cantando. Semana de Valorização da Pessoa Idosa reúne quase dois mil participantes

Desde o dia 1/10, uma série de oficinas e apresentações culturais gratuitas vem sendo realizadas em diversos espaços  da cidade.

14/10/2019 | 18:32