Pular para o conteúdo principal

Polo Esportivo com 384 alunos será lançado neste sábado, dia 19
Foto: Divulgação/PBH

Polo Esportivo com 384 alunos será lançado neste sábado, dia 19

criado em 17/02/2022 - atualizado em 17/02/2022 | 15:22

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer lança neste sábado, dia 19, o projeto Polo Esportivo e de Lazer Dom Bosco, em evento de 9h às 13h no Centro Esportivo Dom Bosco (rua Tabapuam, 514), no bairro Dom Bosco, região Noroeste.  

O Polo Esportivo e de Lazer Dom Bosco é um projeto da Prefeitura que oferta aulas de futsal, ginástica rítmica, judô e boxe para 240 crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, e de futsal, boxe, dança coletiva e ginástica funcional para 144 alunos jovens e adultos (acima de 18 anos). 

O projeto é executado em parceria com o Instituto Trilhar, Organização da Sociedade Civil (OSC) selecionada por meio de chamamento público. A implantação do Polo teve início em 8 de novembro do ano passado, com o objetivo de captação de alunos e estruturação das turmas. A duração do projeto vai até novembro deste ano, mas há previsão orçamentária para um termo aditivo com prorrogação das atividades para 2023. 

O lançamento oficial neste sábado vai marcar a distribuição de uniformes aos alunos e terá agenda festiva de atividades. Quem quiser comparecer ao evento deve fazer agendamento eletrônico por meio do portal da Prefeitura (clique aqui) para ter acesso ao Centro Esportivo Dom Bosco. 

O Centro Esportivo Dom Bosco ocupa uma área de 3.450 metros quadrados e passou por obras de requalificação e reforma geral com investimento em torno de R$ 460 mil, recursos da Prefeitura por meio da Secretaria de Esportes e Lazer. 

O equipamento conta com um ginásio com quadra poliesportiva, uma quadra externa poliesportiva e uma quadra externa de peteca, além de pista de skate, academia a céu aberto, edificação com salão multiuso e banheiros. 

As duas quadras poliesportivas receberam sistema de iluminação de LED, novas traves de futsal, tabelas de basquete e alambrado. Redes foram instaladas sobre as quadras do ginásio e externa para a proteção da iluminação e dos usuários, além de evitar o extravio de bolas. 

O piso de todas as três quadras foi pintado e demarcado, possibilitando, assim, o uso para diversas modalidades esportivas. Houve também pintura interna e externa de todas as edificações, dos muros de divisa e de piso de toda área descoberta, além de substituição de portas e instalação de grades nas janelas e portas do salão multiuso. 

Para maior segurança dos frequentadores, os muros frontais foram elevados, foi construída guarita e instalada sirene, catraca eletrônica com sistema de cadastramento e leitor biométrico e 21 câmeras de monitoramento interligadas ao sistema do COP-BH. 

“A exemplo da Praça da Saudade, o Centro Esportivo Dom Bosco se tornou um equipamento de primeiro mundo, com infraestrutura de ponta e sistema de inteligência que vai orientar nossos serviços para melhor atender ao público e também promover maior segurança aos usuários e frequentadores”, afirma o secretário municipal de Esportes e Lazer, Elberto Furtado. 

A Praça da Saudade, no bairro da Saudade, região Leste de Belo Horizonte, foi o primeiro espaço requalificado nesses moldes. A catraca eletrônica com sistema biométrico em ambos os equipamentos, com cadastramento dos usuários, permite uma gestão inteligente pela Prefeitura. 

“É possível conhecer melhor o perfil do público, com relação a faixa etária, índice de retorno ao equipamento e outras informações que vão nos permitir uma gestão mais eficiente e decisões mais assertivas”, explica Elberto Furtado.