Pular para o conteúdo principal

A secretária Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, Maíra Colares, sentada em cadeira, em meio a outras três pessoas, todos integrantes do painel  "Quando a cidade faz a alimentação: o papel da governança local em segurança alimentar urbana”, apresentado em Washington, nos Estados Unidos.
Foto: Divulgação

Política de segurança alimentar de Belo Horizonte é tema de painel internacional

13/12/2018 | 19:31 | atualizado em 14/12/2018 | 10:28

Na terça-feira, 11 de dezembro, a secretária Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, Maíra Colares, representou Belo Horizonte no painel "Quando a cidade faz a alimentação: o papel da governança local em segurança alimentar urbana”. Realizado em Washington, nos Estados Unidos, o evento discutiu os principais elementos e estratégias que compõem a política de segurança alimentar e nutricional de Belo Horizonte, consolidada mundialmente como modelo municipal e sucesso contínuo no combate à insegurança alimentar.

 

O convite foi feito pelo Centro de Estudos Estratégicos Internacionais (CSIS), com o objetivo de influenciar o governo americano e governos locais dos EUA a criarem políticas de segurança alimentar inspiradas na experiência exitosa de Belo Horizonte.

 

Os comentários de abertura foram apresentados pelo ex-relator especial das Nações Unidas sobre o direito à alimentação, Olivier de Schutter, e por Maíra Colares. A programação seguiu com um painel de discussão entre a secretária e Chris Shepherd-Pratt, líder da equipe de políticas públicas do escritório de segurança alimentar da Agência dos EUA para o Desenvolvimento Internacional (USAID), e moderado por Christian Man, bolsista de pesquisa do projeto global de segurança alimentar do CSIS. A apresentação de boas-vindas foi feita por Kimberly Flowers, diretora de Agenda Humanitária e Projeto Global de Segurança Alimentar, também do CSIS.

 

A escolha de Belo Horizonte como modelo é destacada pelo Dr. Michael Jahi Chappell, pesquisador em Agroecologia e Política Agrícola da Universidade de Michigan. “Há 25 anos, a cidade brasileira de Belo Horizonte tem sido uma heroína pouco conhecida na luta contra a insegurança alimentar. O caminho para a segurança alimentar universal nunca será fácil, mas passos adiante podem e devem ser dados. Belo Horizonte percorreu o caminho um pouco mais que a maioria”, considerou.

 

 

Resiliência e trabalho continuado

No painel, a secretária apresentou os projetos, programas e serviços da política de segurança alimentar e nutricional e, com base nas experiências de Belo Horizonte, falou do papel especial que os governos municipais podem desempenhar na segurança alimentar em comparação com governos regionais, nacionais e internacionais e o que permite que as instituições governamentais mantenham seus compromissos a longo prazo.

 

Maíra respondeu aos questionamentos dos presentes elencando quais foram os elementos que ajudaram a construir a política de segurança alimentar da capital mineira e quais aspectos fazem com que essa política se mantenha com resultados positivos ao longo de 25 anos.

 

“As estratégias de sucesso da política de segurança alimentar de Belo Horizonte, que completa 25 anos em 2018, passam principalmente pelo entendimento do longo prazo, que cada nova gestão deve considerar o que foi feito anteriormente e fazer alterações de inovação e incorporação de direitos. O atual prefeito, Alexandre Kalil, assumiu esse compromisso e tem feito melhorias no que já existia. Essa postura, aliada às inovações, qualifica os serviços e traz novas discussões”, afirmou.

 

A íntegra da apresentação pode ser conferida neste link (em inglês).


Últimas Notícias

Setembro verde: mês da pessoa com deficiência. Rumo a uma cidade inclusiva e sustentável. Torcedores com deficiência entram em campo na luta pela inclusão

Torcedores com deficiência entrarão em campo com atletas do Cruzeiro e do Flamengo neste sábado, dia 21/9, no Mineirão.

20/09/2019 | 23:18
Casal passeia com criança em cadeira de rodinhas e outroas pessoas caminham na Savassi, no domingo, durante o dia. BH é da Gente oferece ioga, encontro de carros e orientação nutricional

Show de talentos, ioga, encontro de carros e orientação nutricional são atrações do BH é da Gente no domingo, dia 22/9.

19/09/2019 | 20:26