Pular para o conteúdo principal

PBH promove mutirão oftalmológico para atender 100 mil alunos da rede municipal
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

PBH promove mutirão oftalmológico para atender 100 mil alunos da rede municipal

criado em 05/12/2022 - atualizado em 05/12/2022 | 14:01

Cerca de 100 mil alunos de 6 a 15 anos do ensino fundamental de Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte farão exames de rastreamento ocular, por meio de teste de acuidade visual. Nesta terça-feira (6), a ação de rastreamento oftalmológico será realizada nos alunos da Escola Municipal Professor Cláudio Brandão, que fica na Rua Cantagalo, 1.147, bairro Aparecida. A previsão é que sejam avaliados 205 alunos, durante o horário de funcionamento da escola. 

Na quarta-feira (7), será a vez da avaliação de 321 alunos da Escola Municipal Honorina de Barros, que fica na Praça Professor Corrêa Neto, Conjunto IAPI, bairro São Cristóvão. 

O mutirão será realizado em todas as escolas municipais do ensino fundamental, até 2023. A ação tem por objetivo detectar possíveis erros de refração não corrigidos (ERN) causadores de baixa visual, o que pode acarretar prejuízo no aprendizado,  com a consequente repetência escolar, evasão e baixa autoestima, entre outros efeitos que intercorrem na vida social e escolar das crianças. 

O rastreamento será realizado nas escolas, por estudantes de medicina, de instituições parceiras da Secretaria Municipal de Saúde, com supervisão dos especialistas em oftalmopediatria atuantes no Centro Municipal de Oftalmologia e em parceria com o Programa Saúde na Escola (PSE). Os alunos que apresentarem problemas oftalmológicos serão encaminhados para consulta especializada. 

Em uma primeira etapa da ação, realizada em novembro, cerca de 1 mil crianças e adolescentes desta faixa etária, que aguardavam por consulta oftalmológica, foram encaminhadas para atendimento. 

A ação está sendo realizada em parceria com instituições de ensino e prestadores que mantêm contrato com a Secretaria Municipal de Saúde.