Pular para o conteúdo principal

Obra de urbanização que inclui escada, na Vila Sumaré, durante o dia.
Foto: Divulgação PBH

PBH entrega mais uma obra do OP, na Vila Sumaré, depois de dez anos parada

27/06/2019 | 19:28 | atualizado em 01/07/2019 | 09:08

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), entregou à comunidade da vila Sumaré, na regional Noroeste, mais uma obra escolhida pelos moradores no Orçamento Participativo. Escolhido em 2009, o empreendimento foi iniciado em julho de 2018 como parte do conjunto de intervenções prioritárias da administração e incluiu a urbanização e o alargamento do trecho que liga as ruas Ipanema, Granito e Açucena. O projeto teve como objetivo melhorar o sistema de circulação existente no local, criando maior acessibilidade e facilitando o tráfego de veículos e pedestres.

 

Além da urbanização de becos e ruas, que incluiu 675 m² de asfalto, e da melhoria dos acessos dentro da vila, a obra trouxe outras conquistas importantes para os moradores, como a instalação de sistema de drenagem, com 68 metros de rede tubular, e a implantação de 153 metros de rede de esgoto.  Também foram construídos uma rotatória, passeios, escadaria, banco e canteiro com plantio de grama, árvores e  arbustos.

 

O engenheiro da diretoria de Obras e Projetos da Urbel e responsável pelo empreendimento, Antônio João Moreira, destacou que, além de facilitar a circulação de pessoas e o tráfego dentro da vila, o empreendimento melhorou em outros aspectos a qualidade de vida dos moradores. "Sem dúvida, desenvolvemos um projeto de acessibilidade que transformou a região e, com ele, vieram vários benefícios como as redes de drenagem e esgotamento sanitário e a melhoria das condições de habitabilidade de muitas famílias que viviam no local”, disse.

 

Segundo o aposentado Abedias Pereira, 65, a comunidade está satisfeita com a obra, escolhida no Orçamento Participativo 2009/2010, que era aguardada há muitos anos."Conquistamos isso tudo aqui faz bastante tempo e não víamos a hora de acontecer. Com a abertura das ruas facilitou demais o acesso pra gente e agora dá pra passar até carros grandes na vila, como dos bombeiros e ambulância. O espaço que era todo amontoado está de cara nova, com esgoto e tudo", conta o morador. O comerciante local Roberto Carlos Siqueira, 50, também está feliz com o resultado. "Foi bom pra mim e pra toda a vila, pois ficou uma área boa, ampla e o pessoal tá gostando muito. Já estão até aproveitando para encontros, eventos, bate-papo e brincadeiras", elogiou.  

 

 

27/06/2019. Obra OP Sumaré. Fotos: Divulgação/PBH


Últimas Notícias

Jovens jogam futebol em quadra Prefeitura inicia projeto de esportes para jovens em conflito com a lei

Os jovens em cumprimento de medidas sócio-educativas terão oportunidade de frequentar, gratuitamente, oficinas esportivas.

13/12/2019 | 17:05
Prédio comercial na rua Caetés Comerciantes comemoram antecipação do décimo terceiro salário pela Prefeitura

A expectativa é que sejam injetados cerca de R$ 105 milhões na economia da capital.

13/12/2019 | 11:35