Pular para o conteúdo principal

Mosquito, com lixo ao fundo e os dizeres: "Não deixe a dengue crescer".
Arte: PBH

PBH e Exército firmam parceria para atender pacientes com sintomas de dengue

06/05/2019 | 20:06 | atualizado em 12/06/2019 | 09:45

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, terá a colaboração do Exército Brasileiro nas unidades de atendimento aos pacientes com dengue. A partir desta terça-feira, dia 7 de maio, 54 militares do Exército vão atuar na parte administrativa das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e nos Centros de Atendimento à Dengue (CADs). O apoio também será dado nas tendas montadas nas regiões Pampulha, Oeste, Barreiro, Leste, Nordeste e Norte para que os pacientes recebam o primeiro atendimento e, ainda, nas nove diretorias regionais de saúde da cidade.

 

Os militares vão repassar orientações para a população, auxiliar no fluxo de atendimento e realizar trabalhos administrativos, como preenchimento de fichas e notificações. Dessa forma, a equipe da área assistencial poderá concentrar esforços no atendimento à população.

 

A subsecretária municipal de Atenção à Saúde, Taciana Malheiros, e o chefe da Comunicação Social da 4ª Região Militar, Major Aristóteles Júnior, estarão à disposição para mais informações, nesta terça-feira, às 11h30, no Centro de Atendimento à Dengue Nordeste (rua Joaquim Gouveia, 560, bairro São Paulo).